PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Maicon critica fair play: "É melhor a mãe dele chorando do que a minha"

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

17/04/2017 16h17

Rodrigo Caio foi elogiado até mesmo pelos corintianos pelo fair play mostrado no clássico deste domingo, no Morumbi. No entanto, dentro do São Paulo, a atitude não foi vista com bons olhos por todos. O zagueiro Maicon, por exemplo, criticou a postura do companheiro, que livrou Jô de receber um cartão amarelo. No caso, o são-paulino avisou o árbitro de que ele havia atingido o goleiro Renan Ribeiro, e não o adversário. Caso o corintiano tivesse sido advertido, não poderia disputar a segunda e decisiva partida do mata-mata.  

"É melhor a mãe dele (rival corintiano) chorando do que a minha em casa", disparou Maicon ao ser questionado sobre a atitude do companheiro. "A gente deveria respeitar a atitude do Rodrigo, foi o que ele quis fazer na hora. Se foi certo ou não, temos de apoiar. É um jogador que faz parte do grupo, de confiança. Não posso dizer o que eu faria porque não aconteceu comigo", completou o defensor.

Maicon aproveitou também para defender o técnico Rogério Ceni, à luz das derrotas para Cruzeiro e Corinthians."Não são dois jogos que vão tirar tudo o que o Rogério tem feito. Tivemos chance de gol, só não fizemos. Nosso time tem condições de reverter a situação, quem vive de passado é museu", afirmou o jogador.

Por outro lado, o zagueiro encarou com naturalidade as críticas da torcida, que chamou o time de "sem vergonha". "Quando a fase boa não vem, é claro que a torcida questiona e tem todo o direito. A gente pediu e eles vieram. Tem todo direito de reclamar. Sabemos o que precisamos fazer para melhorar. A cobrança tem de vir mesmo. To preparado para cobrança. Espero que possamos dar a volta por cima", afirmou Maicon. 

Antes de voltar a enfrentar o Corinthians, o São Paulo tem mais um desafio pela frente, Nesta quarta-feira, o Tricolor encara o Cruzeiro pelo mata-mata da Copa do Brasil. No jogo jogo da série, os paulistas perderam em casa dos mineiros também por 2 a 0.

"Agora é ver qual a melhor forma de surpreender o rival no Paulista, no Morumbi todas as equipes jogam bem defensivas do meio para trás. Mas primeiro vamos pensar no jogo de volta com o Cruzeiro (nesta quarta) e depois no Corinthians. Espero que a gente consiga a classificação nos dois jogos", disse Maicon.

Futebol