PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Lateral do Inter sobra após volta da Chapecoense e procura clube

Cláudio Winck, 22 anos, está fora dos planos e treina no CT das categorias de base - Reinaldo Canato/UOL
Cláudio Winck, 22 anos, está fora dos planos e treina no CT das categorias de base Imagem: Reinaldo Canato/UOL

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

22/01/2017 04h00

Cláudio Winck voltou da Chapecoense, mas está fora do elenco principal do Internacional. Considerado uma das grandes promessas da base do Colorado há anos, o lateral direito treina no CT de Alvorada e espera por um interessado.

O plano do clube gaúcho é emprestá-lo novamente, pela terceira vez seguida.

Winck trabalha fisicamente e aguarda novidades, assim como outros jogadores do Inter que estão fora dos planos de Antônio Carlos Zago.

A diretoria até buscou lateral direito no mercado, Alemão, ex-Botafogo, e manteve Ceará nos planos.

Em 2016, Cláudio Winck esteve no Hellas Verona, da Itália, e depois foi a Chapecó. A ironia do destino: pouco aproveitado, escapou da tragédia com o voo da Chapecoense. Fora da lista de relacionados, Cláudio Winck ficou na cidade treinando com o time sub-20.

Aos 22 anos, Winck esteve no grupo principal em 2013, 2014 e 2015. Com Dunga, chegou a ser barrado por questões físicas. Com Diego Aguirre ganhou espaço, mas foi vitimado por lesões musculares.

Futebol