PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Hulk passa por exames médicos e assina com clube chinês

Hulk já começa a ser utilizado em campanhas de marketing pelo clube chinês - Reprodução/Internet
Hulk já começa a ser utilizado em campanhas de marketing pelo clube chinês Imagem: Reprodução/Internet

Do UOL, em São Paulo

30/06/2016 07h03

 O atacante brasileiro Hulk assinou com o Shanghai SIPG, do campeonato chinês, nesta quinta-feira depois de realizar exames médicos.

O clube anunciou para sexta-feira uma coletiva de imprensa com Hulk, de 29 anos, que chega ao SIPG depois de ter disputado quatro temporadas pelo Zenit São Petersburgo.

O Zenit também oficializou a saída do brasileiro e postou uma mensagem confirmando valores e agradecendo Hulk em seu Instagram. "O Zenit e o Shanghai SIPG chegaram a um acordo para transferência de Hulk. O valor é de 55,8 milhões de euros com possível bônus a mais para o Zenit. O Zenit quer agradecer ao Hulk e sua família por esse tempo em St. Petesburg e sua grande contribuição para a história do clube. Nós desejamos boa sorte ao Hulk e muitas vitórias. Obrigado”, escreveu o Zenit. 

 O valor pago por Hulk pelo Shanghai ultrapassa a então transação mais cara do futebol asiático, que havia sido o brasileiro Alex Teixeira, do Jiangsu Suning, por 50 milhões de euros. 

Hulk selfie - AFP PHOTO / STR / China  - AFP PHOTO / STR / China
Imagem: AFP PHOTO / STR / China
A agência russa Tass informa que Hulk ganhará $12,5 milhões (R$ 42,4 milhões) por ano. "O acordo também estipula bônus ao Zenit caso Hulk marque mais de 15 gols pelo clube chinês", disse uma fonte de dentro do clube à agência.

Atualmente, o Shanghai tem quatro estrangeiros: o argentino Conca, o brasileiro Elkeson, o ganês Asamoah Gyan e o marfinês Evrard Kouassi. Ao fim da metade da temporada da China, é o quarto colocado.

O atacante vem de temporada de destaque pelo Zenit, com 23 gols marcados, o que o ajudou a reconquistar espaço na seleção com Dunga.

O Shanghai SIPG ocupa atualmente a quarta posição na liga chinesa, mas não conquistou nenhuma vitória nas últimas cinco partidas.

Futebol