PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Brasil faz treino com 12 jogadores, e Dunga diz que cansaço pode mudar time

Danilo Lavieri e Guilherme Palenzuela

Do UOL, em Los Angeles (EUA)

23/05/2016 21h57

Apesar de ter uma base de time titular na cabeça, Dunga admite que pode fazer diferentes formações ao longo dos dias de preparação para a Copa América Centenário. O principal componente para essa incerteza é o cansaço.

Se no Brasil a temporada ainda está perto de sua metade, com o início do Brasileirão, na Europa, os atletas deveriam estar a caminho das férias. Por isso, o comandante afirma que fará análises para definir os 11 que farão a estreia da seleção contra o Equador, no dia 4 de junho, contra o Equador.

“A princípio nós temos um grupo de jogadores, sendo que alguns estão no fim de pré-temporada, outros no meio. Vai depender muito dos treinamentos, das conversas que tivermos com os médicos, com a comissão técnica, da condição com que os jogadores se apresentam. A gente tem que pensar em uma preparação individual de cada elemento e do que cada um pode contribuir. A partir daí, vamos pensar em qual vai ser a melhor opção. Nesses primeiros dias estamos muito focados em ver como está cada um”, afirmou o comandante.

Se todos os testes estiverem dentro do previsto, os 11 da seleção devem ser: Alisson; Daniel Alves, Gil, Miranda e Filipe Luís; Elias, Luiz Gustavo e Renato Augusto; Willian, Douglas Costa e Jonas.

Nesta segunda-feira (23), o elenco fez os dois primeiros treinos. Pela manhã, os jogadores ficaram apenas na sala de musculação. Na tarde, 12 jogadores foram a campo: Alisson, Diego Alves, Ederson, Rodrigo Caio, Fabinho, Luiz Gustavo, Miranda, Gil, Hulk, Philippe Coutinho, Jonas e Willian.

Gabigol, Lucas Lima e Douglas Santos, que atuaram no domingo pelo Brasileirão, chegaram nesta manhã e ficaram apenas na musculação. Marquinhos, do PSG, também não foi a campo. Renato Augusto, Douglas Costa e Rafinha Alcântara chegam ainda nesta segunda, mas não treinarão.

Elias, outro que jogou no Nacional, desembarca nos Estados Unidos na terça-feira por ter atuado na Bahia, o que dificultou a conexão com voos internacionais. Daniel Alves chega a Los Angeles no dia 25 após fazer tratamento especial em Barcelona.

É com esses 21 jogadores que o comandante disputará o amistoso no dia 29 de maio, contra o Panamá, em Denver. No dia 30, já de volta a Los Angeles, realizará trabalhos com a chegadas de Casemiro e Filipe Luís, que disputarão a final da Liga dos Campeões.
 

Futebol