PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio tenta corrigir contratação que não deu certo e mira velhos alvos

O brasileiro Felipe, do Hannover, volta a ser pauta no Grêmio para reforços - Michael Sohn/AP Photo
O brasileiro Felipe, do Hannover, volta a ser pauta no Grêmio para reforços Imagem: Michael Sohn/AP Photo

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

16/03/2016 15h56

De todas as contratações para o primeiro semestre, o Grêmio chegou a conclusão que uma em especial não deu certo. O zagueiro Kadu. Com contrato até dezembro de 2017, o defensor perdeu vaga até no banco de reservas e a rotina se resume a treinamentos com os demais. E já planejando o próximo semestre, o clube mira alvos antigos e promete ao menos dois reforços. 

Kadu começou a temporada como titular, mas não durou. Em seu primeiro jogo marcou um gol contra, diante do Danubio, em amistoso. No princípio das competições oficiais, manteve rotina de falhas e jamais conseguiu mostrar o futebol esperado. 

Perdeu vaga no time titular, perdeu vaga no time reserva, e agora segue rotina de treinamentos para aprimorar os fundamentos que eram considerados suas principais armas: jogadas aéreas e duelos um contra um. 

Enquanto isso, o Grêmio já planeja um novo zagueiro para disputar posição com Fred e ser parceiro de Geromel. Irá revisitar alvos antigos que tentou na última janela. São eles: Cleber, do Hamburgo, e Felipe Trevisan, do Hannover, ambos da Alemanha. 

"Vamos nos esforçar muito para conseguir essa classificação (à próxima fase da Libertadores). E depois disso vamos analisar ainda para agregar mais qualidade ao grupo que nós temos, que já é muito bom", disse o presidente Romildo Bolzan Júnior após o empate em 1 a 1 com o San Lorenzo, na terça-feira. 

Cleber, de 25 anos e com passagem pelo Corinthians, tem sido titular de seu time. O vínculo vai até o meio de 2017 e outros dois clubes brasileiros apontam como interessados: Flamengo e Atlético-MG. O Hamburgo pretende, ao menos, 2 milhões de euros (R$ 9,1 milhões) para liberar o atleta. 

Já Flipe Trevisan, de 28 anos, tem contrato no fim e uma negociação para ampliação de vínculo. Segundo o site especializado em mercado internacional Transfermarkt, o jogador tem valor de mercado de aproximadamente 500 mil euros (R$ 2,1 milhões). No Brasil, ele atuou apenas no Coritiba. Nesta temporada disputou somente 10 jogos pelo Hannover. 

Mais um lateral direito

Um lateral direito também será contratado. Wallace Oliveira não é considerado um jogador que 'deu errado', mas ainda precisa de adaptação. Wesley, que subiu das categorias de base neste ano, é avaliado como inexperiente demais para jogos importantes. O nome da vez para a posição é Emilio Zeballos, de 23 anos, do Defensor Sporting, do Uruguai. O jogador, a exemplo dos zagueiros, já havia sido procurado na última janela. As negociações serão retomadas nos próximos dias. 

Futebol