PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Pelé supera Messi em Bolas de Ouro após revisão da revista France Football

Em nova contagem, Pelé teria sete Bolas de Ouro. Messi vem atrás com quatro - Michael Probst / AP
Em nova contagem, Pelé teria sete Bolas de Ouro. Messi vem atrás com quatro Imagem: Michael Probst / AP

Do UOL, em São Paulo

01/12/2015 19h03

Considerado o maior atleta do século XX, Pelé ultrapassou Messi na lista de maior vencedor de Bolas de Ouro, prêmio criado pela revista France Football em 1956.

Em edição especial de 60 anos do prêmio publicada nesta terça-feira (1), a revista francesa revisou a premiação desde sua criação e homenageou Pelé.

A revisão acontece porque até 1995 somente jogadores europeus concorriam à Bola de Ouro. Até 2010, quando o prêmio foi unificado com o da Fifa, apenas jogadores de clubes europeus entravam na lista da France Football.

Se consideradas as regras atuais do prêmio concedido pela revista, com jogadores do globo inteiro, Pelé teria sete troféus, deixando Messi para trás com quatro.

O tricampeão mundial com a seleção brasileira teria sido o melhor jogador do mundo em 1958, 1959, 1960, 1961, 1963, 1965 e 1970. Pior para nomes como Alfredo Di Stefano, eterno ídolo do Real Madrid, e Gerd Müller, artilheiro do Bayern de Munique, que perderam o posto.

Além de Pelé, outros dois brasileiros foram lembrados na revisão de prêmios da Bola de Ouro da France Football: Garrincha e Romário.

Garrincha ficou com o prêmio em 1962, quando foi o melhor jogador da Copa que deu o bicampeonato mundial à seleção brasileira. E Romário levou o de 1994, quando liderou o Brasil ao tetra nos EUA.

Maradona também foi lembrado pela France Football e ficou com a Bola de Ouro de 1986, quando carregou a Argentina ao seu último título mundial, com direito ao gol mais bonito da história das Copas.

Futebol