PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Guerrero diz que Corinthians deve acertar dívida antes de querer renovar

Do UOL, em São Paulo

12/03/2015 11h24

A renovação de contrato do atacante Paolo Guerrero virou uma novela no Corinthians. O clube insiste que o valor pedido pelo representante está muito acima das condições financeiras do clube. Em entrevista ao site oficial da Copa América, o peruano informa que a extensão do vínculo tem como entrave o atraso de salários.

O assunto renovação não pode ser levado adiante enquanto as pendências financeiras não forem equacionadas, entende Guerrero não detalhou quanto e desde quando o Corinthians tem atrasado o salário.

"Ainda não podemos falar...temos coisas pendentes para resolver. Estou deixando nas mãos do meu empresário, mas ainda não podemos falar de renovação por algumas coisas pendentes que o time tem com alguns meses de atraso (direitos de imagem de alguns atletas), mas espero resolver o mais rápido possível", disse o atacante, vinculado ao Corinthians até o meio do ano.

A diretoria do Corinthians informa que a renovação do contrato será discutida nos próximos dias, pois o agente do jogador (Bruno Paiva) está na Europa.

Os grandes clubes de São Paulo passam por problemas financeiros. Corinthians, São Paulo e Santos estão com direitos de imagens atrasados. O Palmeiras está em dia, mas contou com o aporte financeiro do presidente, Paulo Nobre, que emprestou mais de R$ 100 milhões ao clube.

Guerrero falou sobre a importância do retorno de Tite ao Corinthians.

"Tite é um treinador muito experiente, um zorro (raposa, em espanhol), sabe muito bem como aprontar o time taticamente. Graças a Deus temos ele aqui no Corinthians, e ele está fazendo de tudo para que o Corinthians vença a Libertadores. Creio que todo corintiano está ansioso para torcer novamente no Mundial".

Futebol