PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Torcedor que mostrou banana a brasileiro é banido para sempre no Japão

Atacante brasileiro do Kawasaki Frontale, Renatinho foi vítima de racismo no Japão  - Masashi Hara/Getty Images
Atacante brasileiro do Kawasaki Frontale, Renatinho foi vítima de racismo no Japão Imagem: Masashi Hara/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

24/08/2014 20h49

O Yokohama F-Marines anunciou neste domingo que baniu para sempre o seu torcedor que mostrou uma banana na frente do jogador brasileiro Renatinho, que defende o Kawasaki Frontale. As duas equipes se enfrentaram no sábado, e o time do brasileiro acabou perdendo a partida em que o ato aconteceu.

O torcedor, identificado pelo clube como um adolescente, fica assim proibido de entrar novamente no estádio do Yokohama pelo resto de sua vida. Em entrevista, o presidente do clube Akira Kaetsu afirmou que o gesto "é imperdoável". "Não vamos tolerar atos de discriminação", afirmou.

De acordo com a imprensa japonesa, o torcedor disse às autoridades do clube que seu gesto foi simplesmente “um ato de provocação” que “não tinha a intenção de atingir ninguém em particular”.

Em entrevista ao UOL Esporte antes de saber da punição, Renatinho afirmou que esperava que algo fosse feito. “Foi complicado. Foi um pouco difícil. Eu fico triste, minha família ficou triste. Agora tem que levantar a cabeça e esperar que a punição vai ser dada”, disse ele.

É a segunda vez que um episódio assim acontece no campeonato japonês. Em março, o Urawa Reds precisou jogar de portões fechados porque seus torcedores levaram a uma partida uma faixa que pedia “apenas japoneses” no elenco da equipe.

Futebol