PUBLICIDADE
Topo

Futebol

'Injustiçados' de Felipão brilham na semana europeia

Do UOL, em São Paulo

14/04/2014 06h02

Luiz Felipe Scolari não deu muita bola para o futebol deles e praticamente descartou as chances de o zagueiro Miranda e o meia Philippe Coutinho participarem da Copa do Mundo de 2014. Os ‘injustiçados’ de Felipão preferiram dar a resposta em campo.

Nesta semana, Miranda teve um dia histórico. Seu time Atlético de Madri eliminou o poderoso Barcelona nas quartas de final da Liga dos Campeões. O zagueiro teve uma atuação segura e é um dos principais responsáveis pela defesa forte e com muita marcação do Atlético.

Quem também se destacou foi Philippe Coutinho. O meia foi decisivo para o Liverpool conquistar uma vitória importante sobre o Manchester City pelo Campeonato Inglês. Ele marcou o gol da vitória que, de quebra, foi um golaço.

Hall da fama

  • EFE/EPA/ANDREAS GEBERT

    Infantil

    Rafinha, do Bayern, agrediu Mkhitaryan e foi expulso no final do jogo

  • AP Photo/Frank Augstein

    Ajudinha

    Dos três gols de Hulk, um foi frango e outro desviou no zagueiro

  • AP Photo/Daniel Tejedor

    Mergulho

    Neymar se jogou em dividida, sentiu dores e virou piada na internet

  • EFE/EPA/LUCA ZENNARO

    Teimoso

    Além de simular falta, Eder, da Sampdoria, ainda quis brigar depois

Melhores da semana

  • AFP PHOTO / JAVIER SORIANO

    Miranda (Atlético de Madri)

    Miranda teve uma semana histórica em sua carreira. Com uma atuação segura, ele ajudou seu time a eliminar o Barcelona nas quartas de final da Liga dos Campeões. Ele faz de uma das melhores defesas do torneio.

  • PAUL ELLIS/AFP PHOTO

    Philippe Coutinho (Liverpool)

    O meia foi decisivo e marcou o terceiro gol na vitória do Liverpool por 3 a 2 sobre o Manchester City, neste domingo. Além de ser fundamental para derrotar um dos principais adversário na briga pelo título inglês, Coutinho foi autor de um golaço. O Liverpool agora é líder com 77 pontos, dois a mais que o Chelsea.

  • AFP PHOTO / JOHN MACDOUGALL

    Hulk (Zenit)

    Hulk marcou três vezes, neste sábado, e foi fundamental na vitória do Zenit São Petersburgo sobre o Krasnodar por 4 a 1. Diante do bom desempenho de Hulk, o time agora é líder isolado do Campeonato Russo, à frente do Lokomotiv Moscou.

  • Getty Images

    Carlos Eduardo (Porto)

    O meia deixou sua marca na vitória do Porto por 3 a 1 do Porto sobre o Braga. Quando parecia que a partida acabaria empatada, Carlos Eduardo colocou os Dragões à frente no Estádio Axa aos 41 minutos. O Porto mantém vivo o sonho de conseguir o segundo lugar da competição e uma classificação à fase de grupos da Liga dos Campeões.

  • AP Photo/Gregorio Borgia

    Taddei (Roma)

    O brasileiro Taddei também chamou a atenção nos campeonatos europeus. Ele marcou um golaço na vitória da Roma por 3 a 1 sobre a Atalanta.

Piores da semana

  • AFP PHOTO/ JORGE GUERRERO

    Neymar (Barcelona)

    Neymar teve uma semana complicada. O Barcelona foi eliminado nas quartas de final da Liga dos Campeões para o Atlético de Madri e ainda perdeu para o Granada no Campeonato Espanhol. Além das derrotas em campo, o jogador se tornou alvo de críticas da torcida.

  • AFP PHOTO / THOMAS SAMSON

    Lucas (PSG)

    O meia foi eliminado com o PSG na Liga dos Campeões ao perder para o Chelsea no meio de semana. Para piorar, o ex-jogador e ex-treinador Guy Roux pegou pesado com o brasileiro e disse que ele não sabe jogar futebol.

  • PATRIK STOLLARZ/AFP

    Rafinha (Bayern de Munique)

    Apesar de ter sido elogiado por sua atuação contra o Manchester United na Liga dos Campeões, Rafinha não terminou bem a semana. O Bayern de Munique perdeu por 3 a 0 para o Borussia Dortmund. No fim do jogo, o brasileiro foi expulso depois de se envolver em uma confusão e brigar com jogadores adversários.

  • AP Photo/Alastair Grant

    Paulinho (Tottenham)

    Paulinho voltou a ser titular do Tottenham, mas ainda não conseguiu voltar a ter boas atuações. Ele foi criticado pela imprensa inglesa no empate por 3 a 3 com o West Bromwich, pelo Campeonato Inglês.

  • EFE/EPA/LUCA ZENNARO

    Éder (Sampdoria)

    O atacante brasileiro Éder viu seu time, a Sampdoria, sofrer uma goleada por 4 a 0 para a Inter de Milão no Campeonato Italiano e ainda foi expulso. Depois de simular uma falta, o atacante discutiu com o zagueiro adversário Samuel e acabou levando o cartão vermelho.

 

Acompanhe os campeonatos europeus

Futebol