PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Jogadores do Palmeiras aguardam definição de Kleina por futuro do elenco

Do UOL, em São Paulo

25/11/2013 06h00

Os jogadores do Palmeiras que se manifestam favoráveis à permanência de Gilson Kleina não fazem apenas pelo bem-estar do treinador em meio à novela que ganhou contorno dramático até na celebração do título da Série B. Os atletas palmeirenses se preocupam também com as próprias situações, que só serão definidas após a confirmação do novo técnico, ou da permanência da atual comissão.

Além de jogadores como Leandro, Vilson e Márcio Araújo, sobre os quais a diretoria palmeirense já trata a renovação contratual, há atletas na mesma situação que dependem do aval do treinador para prosseguirem nas conversas sobre permanência. Mas, neste momento, não adianta o parecer de Gilson Kleina para que o presidente Paulo Nobre e o diretor-executivo José Carlos Brunoro definam o elenco de 2014.

Após levantar a taça de campeão da Série B, no último sábado, o técnico Gilson Kleina afirmou que “dessa semana não passa” a definição se ele ficará ou deixará o Palmeiras. Enquanto o treinador vinha falando há meses sobre a expectativa de prosseguir no clube em 2014, a diretoria palmeirense negociou com o argentino Marcelo Bielsa e procurou alternativas. Sem sucesso, Nobre e Brunoro negociaram com Kleina e propuseram salário inferior ao que ele recebe atualmente. A oferta foi recusada prontamente pelo treinador, que agora negocia sobre outras bases salarias.

No atual elenco, há jogadores com contrato definitivo ou por empréstimo até o fim do ano, além dos três citados em situação mais avançada. André Luis, Léo Gago, Marcelo Oliveira, Charles, Ananias, Ronny, Fernandinho e Rondinelly se encaixam no quadro. Além deles, há atletas que estão emprestados a outros clubes e retornam ao Palmeiras no fim deste ano, que precisarão saber se serão aproveitados, ou não, no clube em 2014. É o caso de Luan, Deola, Maikon Leite, Patrick Vieira, Vitor, Tiago Real e Tinga, entre outros.

Atletas como o goleiro Fernando Prass e o zagueiro e capitão Henrique já saíram em defesa do treinador e pediram rápida definição

Após a festa pelo título da Série B, em Campo Grande, no Morenão, o presidente Paulo Nobre afirmou que a diretoria “não está dormindo” e que já trabalha pensando no ano que vem.  Nobre contestou as críticas por suposto atraso no planejamento de 2012, afirmou que o trabalho prossegue mesmo com as indefinições e disse que o Palmeiras está olhando para o mercado, apesar de não ter definido qual será o treinador da equipe. O presidente, no entanto, admitiu que precisará do aval da comissão técnica para selar qualquer negociação.

Gilson Kleina, técnico de Futebol
Gilson Kleina, técnico de Futebol
$escape.getHash()uolbr_tagAlbumEmbed('tagalbum','63298', '')

Futebol