PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar. Só para assinantes UOL!

Cueva perde lugar na seleção peruana após vídeo vazado de festa com amigos

Cueva durante o jogo Peru x Brasil pela Copa América - Marcello Zambrana/Agif
Cueva durante o jogo Peru x Brasil pela Copa América Imagem: Marcello Zambrana/Agif
Exclusivo para assinantes UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Brasília

15/06/2021 12h30

O meia Christian Cueva encara uma nova polêmica em seu vasto currículo de atividades extracampo. Desta vez, o ex-jogador de São Paulo e Santos foi flagrado em uma festa com amigos no sábado, véspera do início da concentração dos jogadores do Peru, que chegaram ontem (14) ao Brasil para Copa América. Ainda que tenha se explicado ao técnico Ricardo Gareca, ele perdeu lugar no time titular, segundo apurou a coluna.

O vídeo rodou as redes sociais e os meios de comunicação peruanos, inicialmente divulgado pelo jornal El Bocón. Nele, em poucos segundos, Cueva aparece com mais seis pessoas, quatro homens e duas mulheres. Nas mesas da "reunião" havia garrafas e latas de bebidas alcoólicas e cigarros. A música é alta e algumas pessoas aparecem bebendo e fumando. Ainda de acordo com a coluna, a informação chegou ao técnico Ricardo Gareca por relatos de moradores do mesmo prédio de Cueva.

O atleta explicou, na apresentação, que o vídeo não é atual. Mas, ainda assim, sua imagem ficou abalada. Tanto que no jogo-treino entre titulares e reservas do Peru, o treinador preferiu escalar Luis Enrique Iberico, deixando o armador, um dos atletas mais criativos da seleção, no banco. O Peru estreia na Copa América nesta quinta-feira, contra o Brasil, no Rio de Janeiro.

Cueva ao menos escapou do corte antes da Copa América

Cueva escapou do corte e viajou com a delegação peruana ao Brasil. No país, terá tempo para convencer o comandante da equipe de que é a melhor opção, apesar da vida desregrada fora de campo. Na semana passada, ele contribuiu com um gol para a vitória de sua seleção por 2 a 1 sobre o Equador, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. A presença em polêmicas não é novidade na carreira do peruano. Na passagem pelo Brasil, se atrasou em apresentações, foi multado, foi flagrado brigando em casa noturna e repetidamente era visto em baladas. (Por Marinho Saldanha)

Hotel que recebeu a Venezuela mantém jogadores isolados em Brasília

O hotel que recebeu a delegação da Venezuela no início da Copa América ficou com 11 membros da delegação e mais um médico, mesmo depois do grupo ter partido para Goiânia. Todos positivos para covid-19, os oito jogadores e três membros da comissão técnica seguem isolados. Para evitar um surto também entre os funcionários, o estabelecimento mantém protocolos rígidos de isolamento com todos. Não há contato com funcionários e os venezuelanos não podem deixar os quartos. (Por Marinho Saldanha)

Saída de Lisca do América-MG veio após segundo pedido de comissão

O pedido de demissão de ontem foi o segundo feito por Lisca no América-MG. Após a eliminação na terceira fase da Copa do Brasil para o Criciúma, na semana passada, o treinador já havia procurado a diretoria manifestando a insatisfação e falta de motivação para seguir no cargo. Bastante querido e com crédito no Alviverde, acabou sendo convencido a permanecer. Contudo, após amargar a terceira derrota no Campeonato Brasileiro —domingo (13), o América-MG perdeu para o Flamengo por 2 a 0, no Maracanã—, ele resolveu não esperar mais. Com o time na lanterna, viu que era hora de sair. Se dependesse da vontade de dirigentes, jogadores e torcida, o desfecho desta história seria bem diferente. (Por Henrique André)