PUBLICIDADE
Topo

UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão


Quatro grandes de SP tentam convencer Doria a liberar cerveja em estádios

Rogério Cassimiro/Folhapress. Digital)
Imagem: Rogério Cassimiro/Folhapress. Digital)
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e Santos

11/03/2020 04h00Atualizada em 11/03/2020 12h08

A De Primeira apurou que os presidentes dos quatro grandes clubes do estado (Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo) se reuniram na última segunda-feira para almoçar na sede da Federação Paulista de Futebol. Entre as pautas, o principal assunto era a venda de bebidas alcoólicas nos estádios. A ideia dos times é tentar fazer com que seja liberada a comercialização para aumentar a receita em dias de jogos.

Na última semana, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), em julgamento virtual decidiu que é constitucional uma lei estadual que autoriza a venda de bebida de baixo teor alcoólico em recintos esportivos. No ano passado, porém, o governador João Doria vetou um projeto de lei aprovado na Assembleia Legislativa autorizando a venda de bebidas em estádios. Por isso, o objetivo dos dirigentes é convencer o governo paulista a mudar sua decisão e ajudar no trâmite político —os deputados já negociam para derrubar o veto. Tais encontros entre os cartolas costumam acontecer com frequência. (Por Eder Traskini, José Eduardo Martins e Samir Carvalho)

UOL de Primeira