Topo

UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão


Cebolinha tem aumento de 170% no salário CLT, mas ganha menos que Boselli

Everton Cebolinha carrega a bola em Palmeiras x Grêmio - Marcello Zambrana/Agif
Everton Cebolinha carrega a bola em Palmeiras x Grêmio Imagem: Marcello Zambrana/Agif
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e no Rio de Janeiro

07/11/2019 04h00

Everton Cebolinha recebeu um aumento de 170% na parte registrada em carteira do seu salário para renovar contrato com o Grêmio até 2023. O novo contrato foi protocolado ontem na CBF. O atacante tinha um rendimento bem abaixo dos destaques do Brasileirão e, agora, aparece como o 25º atleta mais bem pago do país levando em conta apenas a CLT. Ainda está atrás de nomes de menos destaque no cenário nacional como o atacante Boselli, do Corinthians, o volante Ariel Cabral e o meia-atacante Pedro Rocha, do Cruzeiro, e até o rival Guerrero, do Internacional.

Vale destacar que esses números apresentados pelo De Primeira levam em conta os pagamentos via CLT dos atletas, desconsiderando os ganhos que ainda tendem a crescer com o acréscimo de direito de imagem, produtividade e prêmios por metas alcançadas. Para estarem dentro da lei, os clubes precisam pagar, no máximo, 40% do salário do atleta fora do registro em carteira. (Por Danilo Lavieri)

UOL de Primeira