A força "albanesa"

Clive Rose/Getty Images

Primeira virada na Copa: Suíça bate Sérvia e deixa Brasil no topo

Uma rivalidade política ganhou repercussão no jogo entre Suíça e Sérvia. Jogadores suíços de origem albanesa ou kosovar foram vaiados por torcedores sérvios. Dois deles, Xhaka e Shaqiri, fizeram os gols da vitória e comemoraram com um gesto que indica uma provocação aos rivais.

Em campo, a Suíça tem se mostrado um time de segundo tempo. Na estreia, contra o Brasil, levou um gol no primeiro e conseguiu o empate na etapa final. Na segunda rodada, também saiu atrás no placar. Mas melhorou nos 45 minutos finais e conseguiu vencer. Foi a primeira vitória de virada registrada nesta Copa.

Os números comprovam como a Suíça evoluiu após o intervalo. No primeiro tempo, a Sérvia criou dez oportunidades de gol e largou em vantagem logo aos cinco minutos, com uma cabeçada de Mitrovic.

No segundo tempo, a ex-república iugoslava teve apenas duas chances. Já a equipe dos Alpes construiu 11 lances ofensivos e balançou as redes duas vezes. Xhaka empatou, com um chute forte de fora da área. Aos 44 minutos, Shaqiri disparou em velocidade, recebeu de Xhaka e tocou na saída do goleiro.

O resultado deixa os suíços com os mesmos quatro pontos da seleção brasileira, que leva vantagem pelo saldo de gols (2 contra 1). Os sérvios somam três pontos e terão de ganhar do Brasil, na quarta-feira (dia 27), para se classificar.

Ler mais
Clive Rose/Getty Images

Sobre a nossa evolução [no futebol], temos demonstrado isso por anos. Hoje mostramos de novo em campo. Eles fizeram 1 a 0. A gente se uniu. São jogadores que atuam em times de elite na Europa. Mantivemos a calma e voltamos para virar o placar. Isso não teria acontecido alguns anos atrás

Shaqiri, o melhor em campo para a Fifa

Estamos satisfeitos com o primeiro tempo. Estivemos bem tática e tecnicamente. O empate nos atrapalhou. Com 1 a 1, tentamos ir ao ataque, fizemos uma substituição ofensiva, mas infelizmente levamos um gol no último minuto. Isso é futebol. Nós não fizemos quando tivemos a chance, e eles fizeram

Ler mais

Mladen Krstajic, técnico da Sérvia

Blogueiros comentam

  • Praetzel

    Sérvia é zebra contra o Brasil, ainda mais precisando vencer. Time de Tite precisa melhorar

    Imagem: UOL
    Leia mais
  • Julio Gomes

    Perder para a Sérvia absurdo? Não. A casca de banana que a Suíça jogou para o Brasil

    Imagem: UOL
    Leia mais
Clive Rose/Getty Images

Shaqiri e Xhaka são vaiados e reagem com provocação política

A forma como suíços celebraram os gols pode ser uma provocação à Sérvia. O símbolo com as mãos unidas pelos polegares cruzados faz referência à águia de duas cabeças da bandeira da Albânia.

Ler mais
AFP PHOTO / GABRIEL BOUYS

Brasil fica a um empate da próxima fase e terá "decisão" contra Sérvia

Placar de 2 a 0 sobre Costa Rica, somado à vitória da Suíça por 2 a 1 sobre a Sérvia, deixou os comandados de Tite com uma decisão pela frente na briga por uma vaga nas oitavas de final.

Ler mais
David Ramos - FIFA/FIFA via Getty Images

Treinador quer vitória sobre Brasil: "Vamos explorar pontos fracos"

"Muitos acharam que o Brasil era favorito para vencer o grupo e a Copa. Precisamos ganhar deles e vamos nos concentrar para vencê-los. Nada é impossível na vida", disse Mladen Krstajic.

Ler mais

Foram bem

  • Mitrovic

    Com 1,89 metro de altura e muita presença de área, incomodou os zagueiros suíços. Finalizou seis vezes a gol e abriu o placar de cabeça

    Imagem: Ricardo Moraes/Reuters
  • Xhaka

    Conduziu o meio de campo da Suíça, com 75 passes certos, segundo o Footstats. Marcou um belo gol e deu a assistência para o segundo

    Imagem: Clive Rose/Getty Images

Foram mal

  • Haris Seferovic

    Apareceu pouco no jogo e desperdiçou uma chance no primeiro tempo. Foi substituído durante o intervalo

    Imagem: Jason Cairnduff/Reuters
  • Dusko Tosic

    Ficou pra trás, quando Shaqiri disparou no contra-ataque, e não conseguiu evitar o gol do atleta suíço

    Imagem: Clive Rose - FIFA/FIFA via Getty Images
Dan Mullan/Getty Images

Momento chave

A Suíça dominou a partida no segundo tempo, mas o gol da vitória só saiu aos 44 minutos, em uma jogada de contra-ataque. A Sérvia estava toda na ataque, em um lance de bola parada. Os suíços roubaram a bola, Xhaka enxergou muito bem a arrancada de Shaqiri e fez o lançamento em profundidade. O camisa 23 disparou, deixou o zagueiro para trás, invadiu a área e tocou na saída do goleiro Stojkovic.

De olho na Copa

Simulador

Simule os jogos e saiba os possíveis confrontos do Brasil e de todas as seleções

Ler mais

Duelo de Cartas

Os melhores jogadores do mundo vão ajudar você a vencer este game

Ler mais

Tabela da Copa

Veja a classificação e os confrontos de todos os grupos da Copa

Ler mais
Topo