Topo

Copa 2018


Courtois não quis ver festa francesa e perdeu anúncio de seu prêmio na Copa

Thibaut Courtois em ação contra o Brasil na Copa do Mundo - Catherine Ivill/Getty Images
Thibaut Courtois em ação contra o Brasil na Copa do Mundo Imagem: Catherine Ivill/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

16/07/2018 11h59

Um dia depois de conquistar o terceiro lugar na Copa do Mundo com a vitória da Bélgica sobre a Inglaterra, Thibaut Courtois foi eleito o melhor goleiro da competição nesse domingo (15). No entanto, o jogador não viu o anúncio da premiação porque não queria ver a França comemorar.

- Por que perdemos? Os fatores que contribuíram para a queda da seleção
- Perrengues na Rússia: de motorista dorminhoco a hotel de filme de terror
Copa mostra que árbitro de vídeo pode minar agressões e "malandragens"

Les Bleus garantiram o título com vitória por 4 a 2 sobre a Croácia na decisão. Antes, haviam vencido a Bélgica por 1 a 0 em jogo válido pelas semifinais da Copa do Mundo.

"Assisti à final, mas desliguei a TV aos 49 minutos do segundo tempo. Não queria ver a França comemorar sua vitória", disse Courtois, que só ficou sabendo da honraria por meio do telefone.

"Quando meus amigos me disseram que era eu, eu liguei a TV e voltamos a ver. É uma honra incrível. Estou feliz por ter feito muitas defesas para ajudar o time, mas isso não foi o mais importante. Queria ir o mais longe possível", completou.

Mais Copa 2018