PUBLICIDADE
Topo

Copa 2018


"Nigéria perdeu porque jogadores estavam em posições erradas", diz Okocha

Sandro Meira Ricci vai bem ao assinalar pênalti na partida entre Croácia e Nigéria - AFP PHOTO / OZAN KOSE
Sandro Meira Ricci vai bem ao assinalar pênalti na partida entre Croácia e Nigéria Imagem: AFP PHOTO / OZAN KOSE

Do UOL, em São Paulo

17/06/2018 12h29

Classificação e Jogos

Depois de chegar até as oitavas de final da Copa do Mundo no Brasil, a Nigéria terá dificuldades para repetir a campanha na Rússia. Na estreia, sábado (16), perdeu de 2 a 0 da Croácia. E, para o ex-astro Jay-Jay Okocha, a culpa pela derrota foi do técnico alemão Gernot Rohr, que errou na escalação.

Brasil estreia às 15h deste domingo; veja a tabela
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
Super-heróis: Marcelo sofreu com 7 a 1 e ganhou peso

"Acho que a única razão pela qual perdemos este jogo é porque nossos jogadores jogaram em posições erradas e não conseguimos tirar o melhor proveito deles", disse o ex-jogador, que se aposentou em 2008, e que foi contratado por um canal de TV nigeriano para comentar a Copa.

Para Okocha, o maior problema foi a falta de um meia ofensivo. "Nós não tivemos um meio-campista criativo. Mikel Obi tem sido um bom garçom, mas eu acho que sua melhor posição é em frente à defesa", comentou o ex-atacante. Camisa 10, o ex-jogador do Chelsea atuou centralizado, como meia de criação.

Além disso, Alex Iwobi, revelação do Arsenal, foi utilizado como ponta pela direita. "Ele poder jogar assim no Arsenal porque existe um Özil que traz criatividade pelo meio. Escalá-lo na ponta tira sua força", complementou.

A Nigéria volta a campo contra Islândia, na sexta, e fará seu último jogo pelo Grupo D contra a Argentina em 26 de junho.

Copa 2018