PUBLICIDADE
Topo

Copa 2018

"Dono" da direita, Fagner corre para recuperar espaço perdido rumo à Copa

Danilo Lavieri, Dassler Marques e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro e em Londres

29/05/2018 04h00

Classificação e Jogos

Após uma semana de trabalho intenso na fisioterapia, Fagner apareceu na segunda-feira (28) para sua primeira atividade física em campo com a seleção brasileira na fase de preparação para a Copa do Mundo. A imagem no centro de treinamento do Tottenham, em Londres, era emblemática. Em recuperação de uma lesão muscular, o lateral direito terá de correr para recuperar um espaço que parecia cativo no grupo.

Confira a tabela completa e o calendário de jogos
Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
DOC: a Rússia Gay que não pode sair do armário

Com Daniel Alves, titular absoluto da posição, lesionado, Fagner seria a opção imediata de Tite. O problema médico, no entanto, o colocou atrás de Danilo na disputa. Nem mesmo o fato de ter 51% de jogos a mais (243 partidas pelo Corinthians, contra 161 de Danilo) durante o ciclo dos últimos quatro anos ajudará. A comissão já avisou que o lateral do Manchester City começa a briga pela titularidade à frente do jogador do Corinthians.

Se antes era dono do pedaço, a situação se inverteu. O até então questionado Danilo será o titular no primeiro jogo do grupo, no amistoso contra a Croácia, no próximo domingo (3), em Liverpool.

Atuando mais pela esquerda nos últimos meses, Danilo vinha sendo monitorado por Tite e seus auxiliares, mas estava longe de ser uma prioridade. O perfil pouco defensivo contribuiu para afastá-lo do topo da lista de opções.

Na atual temporada, Danilo ficou no banco em um terço dos jogos – 13 de 38. Na jornada 2016/17, ficou 26 sem nem entrar em campo pelo Real Madrid. No mesmo período, Fagner foi o único titular absoluto de um Corinthians bicampeão paulista e campeão do Brasileiro. Ainda que pese a diferença entre o nível das competições, Tite valoriza a constância de Fagner, que corre para recuperar tal status.

“Quero voltar o quanto antes. Ninguém sabe quem vai ser titular. A gente só pensa em treinar. Tenho esperanças de jogar os amistosos, mas vai depender muito da comissão”, disse um ansioso Fagner.

Bem cotado com Tite, Fagner tem três jogos sob o comando do técnico e é um dos jogadores mais lembrados nas convocações. Mais experiente com outros técnicos, Danilo ganhou sua vaga com a atual comissão na reta final e atuou apenas uma vez, no amistoso contra o Japão, em novembro de 2017, em Lille (França).

Copa 2018