UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/copa-2014/ultimas-noticias/2011/10/19/funcionarios-da-arena-pernambuco-cruzam-os-bracos-por-24h-e-ameacam-greve-geral.htm
  • Funcionários da Arena Pernambuco cruzam os braços por 24h e ameaçam greve geral
  • 30/05/2020
  • UOL Esporte - Futebol
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Operários da futura Arena Pernambuco querem aumento salarial e da cesta básica

Operários da futura Arena Pernambuco querem aumento salarial e da cesta básica

19/10/2011 - 17h35

Funcionários da Arena Pernambuco cruzam os braços por 24h e ameaçam greve geral

Do UOL Esporte*
Em São Paulo

Os operários que trabalham na construção da Arena Pernambuco, estádio que está sendo erguido na Grande Recife para receber jogos da Copa do Mundo de 2014, resolveram não trabalhar nesta quarta-feira, dia 19. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores na Construção (Sintepev-PE), o movimento paradista é "uma advertência" à construtora Odebrecht, responsável pela obra.

O objetivo dos cerca de 1.400 funcionários é obter um aumento na cesta básica de R$ 80 para R$ 200, reajuste da hora extra e direito a plano de saúde. Há também reivindicação de aumento de aumento salarial, com reajuste do piso de R$ 847 para R$ 1.200.

Esta manhã, sindicalistas e representantes do governo estadual e da Odebrecht se reuniram na Secretaria de Articulação Regional, em Recife, mas as negociações não avançaram.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores na Construção (Sintepav-PE), a paralisação pode evoluir para uma greve por tempo indeterminado a partir do próximo dia 31, caso a Odebrecht, responsável pela obra, não atenda às reivindicações da categoria. De acordo com o assessor sindical Leodelson Bastos, uma nova assembleia será realizada na próxima quarta-feira (26). O sindicato informa estar negociando com a empresa há mais de 15 dias sem obter respostas satisfatórias.

Procurada pelo UOL Esporte, a Odebrecht disse que a associação patronal (Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada- Sinicon) é quem estaria apta a falar sobre o assunto. A entidade, porém, não se pronunciou até a publicação desta reportagem.

 

Obras para a Copa de 2014
Obras para a Copa de 2014

* Com informações da Agência Brasil

Placar UOL no iPhone