PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Rafael Reis

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

5 atuações de gala de Neymar na Champions para inspirá-lo contra o City

A "remontada" do Barcelona sobre o PSG foi a grande atuação de Neymar na Champions - Getty Images
A "remontada" do Barcelona sobre o PSG foi a grande atuação de Neymar na Champions Imagem: Getty Images
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

04/05/2021 04h00

Jogador mais caro do futebol mundial em todos os tempos, Neymar vai se deparar hoje com uma das missões mais difíceis de sua carreira: justificar os 222 milhões de euros (quase R$ 1,5 bilhão) investidos na sua contratação e classificar o Paris Saint-Germain para a decisão da Liga dos Campeões da Europa pela segunda temporada consecutiva.

Só que para completar esse objetivo, o camisa 10 brasileiro terá de superar os problemas físicos de Kylian Mbappé, co-protagonista do time e dúvida para a partida contra o Manchester City, além da necessidade de reverter a derrota por 2 a 1 sofrida na semana passada, na França, na primeira partida da semifinal.

Motivo de pânico? Não necessariamente. Afinal, ao longo de sua trajetória histórica na Champions, Neymar já produziu algumas atuações de gala como a que precisa ter para superar a equipe dirigida por Pep Guardiola e continuar na briga pelo título europeu.

O "Blog do Rafael Reis" relembra abaixo cinco jogos do torneio interclubes mais importante do planeta em que o "NeyDay" não foi apenas uma hashtag de sucesso nas redes sociais.

BARCELONA 6 x 1 PSG
08/03/2017
Oitavas de final

A maior atuação do brasileiro na competição interclubes mais badalada do planeta teve um contexto dos mais dramáticos. O Barcelona havia perdido por 4 a 0 a primeira partida do confronto e chegou aos 42 minutos do segundo tempo vencendo por "apenas" 3 a 1. Foi aí que Neymar entrou em cena. Mesmo com a corda da eliminação no pescoço, o astro produziu os três gols que os catalães precisavam para continuar na competição: dois marcados por ele mesmo e outro em uma assistência para Sergi Roberto. Sua atuação na "retomada" foi tão brilhante que encantou a diretoria do PSG a ponto de ela investir como nunca antes um clube havia investido na história do futebol para contratar o jogador na janela de transferências seguinte.

PSG 3 x 2 BAYERN DE MUNIQUE
07/04/2021
Quartas de final

Ainda que não tenha alcançado o mesmo desempenho do histórico jogo de 2017, Neymar também já teve atuações brilhantes nesta temporada. Na primeira partida das quartas de final contra o Bayern de Munique, reedição da decisão do ano passado, o brasileiro colocou no bolso a defesa germânica e distribuiu dois passes para dois dos três gols do PSG. O jogo feito pelo camisa 10 foi reverenciado por veículos de imprensa da Europa inteira. Na partida de volta, Neymar voltou a jogar demais (apesar dos inúmeros gols perdidos), assegurou a classificação para as semifinais e acabou eleito o craque da semana da Champions.

MANCHESTER UNITED 1 x 3 PSG
02/12/2020
Fase de grupos

Antes mesmo do encontro com o Bayern, Neymar já havia tirado o PSG do buraco na atual temporada da Champions. O time francês chegou à penúltima rodada da fase de grupos correndo sérios riscos de nem avançar para os playoffs e tendo que encarar na Inglaterra o Manchester United, que já o havia derrotado em Paris. Só que o brasileiro decidiu resolver a partida. Fez um gol logo aos 6 minutos do primeiro tempo, cobrou o escanteio que originou o tento de Marquinhos e, já nos acréscimos da etapa final, matou qualquer chance de reação inglesa ao meter mais uma bola para o fundo das redes.

PSG 2 x 1 ATALANTA
12/08/2020
Quartas de final

Na campanha que levou o PSG para a decisão da Champions pela primeira vez, na temporada passada, Neymar foi figura decisiva nas oitavas de final (Borussia Dortmund) e brilhou novamente na fase seguinte, contra a Atalanta. Apesar de ter passado em branco contra os italianos, o camisa 10 foi figura decisiva no jogo único que classificou os franceses para a semifinal. Como Mbappé estava se recuperando de lesão e só entrou no segundo tempo, coube ao jogador mais caro da história a missão de carregar a equipe parisiense nas costas. Além das várias oportunidades criadas, Neymar foi também o autor do passe para o gol que abriu caminho para a classificação, marcado por seu compatriota Marquinhos.

BAYERN DE MUNIQUE 3 x 2 BARCELONA
12/05/2015
Semifinal

Logo em sua segunda temporada na Europa, Neymar já conseguiu vencer a Liga dos Campeões e, de quebra, foi um dos artilheiros da competição (ao lado de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo). O atacante foi o grande nome da reta final da campanha e balançou as redes nos cinco últimos jogos da temporada continental. Mas sua grande atuação aconteceu na partida de volta da semifinal contra o Bayern. Foi graças aos dois gols anotados contra a equipe germânica que o Barcelona conseguiu avançar à decisão do torneio apesar da derrota por 3 a 2 sofrida em Munique (havia vencido por 3 a 0 na Catalunha, com direito a um tento do seu então jovem atacante).