PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Rafael Reis

De CR7 a Paulinho: os 10 trintões mais caros da história do futebol mundial

Cristiano Ronaldo é o jogador de futebol com mais de 30 anos mais caro de todos os tempos - Getty Images
Cristiano Ronaldo é o jogador de futebol com mais de 30 anos mais caro de todos os tempos Imagem: Getty Images
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

30/11/2020 04h00

Quanto você pagaria pela contratação de um jogador de futebol na casa dos 30 anos, ou seja, que já passou do auge físico e técnico e que, provavelmente, terá pouco (ou nenhum) potencial de revenda no futuro?

Pois saiba que já houve um clube que investiu 117 milhões de euros (R$ 748,1 milhão) na chegada de um reforço dessa faixa etária. E, na ocasião dessa transação, o atleta envolvido no negócio não tinha 30 ou 31 anos, mas sim 33.

Só que esse trintão é um obcecado pelos cuidados com o corpo e tem a mesma vontade de um garoto recém-promovido para os profissionais e que ainda não conquistou nada de importante no futebol.

A saída de Cristiano Ronaldo do Real Madrid para a Juventus, fechada logo após a Copa do Mundo-2018, é a maior transferência já registrada de um jogador que havia rompido a barreira dos 30 anos.

O recorde anterior era de uma temporada antes, quando o zagueiro Leonardo Bonucci, hoje companheiro de CR7 na Juve e então com 30 anos, foi para o Milan por 42 milhões de euros (R$ 268,5 milhões).

Atualmente, a transação do defensor italiano ocupa a terceira colocação no ranking dos maiores negócios já feitos envolvendo trintões, empatada com o retorno do meia brasileiro Paulinho para o Guangzhou Evergrande.

O ex-jogador do Corinthians e da seleção é, aliás, o único representante do único futebol pentacampeão do planeta no top 10 dessas transferências. A lista tem ainda dois argentinos, um português, um bósnio, um italiano, um belga, um holandês, um francês e um alemão.

Além de CR7, Paulinho e Bonucci também estão atrás de Miralem Pjanic. O bósnio de 30 anos saiu da Juventus para o Barcelona, na última janela de transferências, em uma troca com o brasileiro Arthur. Seu valor declarado no negócio foi de 60 milhões de euros (R$ 383,6 milhões), o segundo maior da história de um atleta trintão.

Das dez maiores transferências já feitas de jogadores +30, nove foram realizaram ao longo das últimas 12 temporadas. A única exceção foi a ida do argentino Gabriel Batistuta para a Roma, em 2000, por 36,2 milhões de euros (R$ 231,5 milhões).

Não à toa, essa transação permaneceu durante 17 anos como recorde de maior negócio envolvendo um atleta trintão já feito. A marca só foi superada em 2017, quando Bonucci foi para o Milan.

Chama a atenção também como o futebol italiano é aquele do primeiro escalão que mais gosta de veterano. Afinal, metade dos dez negócios da lista teve clubes do Calcio como compradores.

Os trintões mais caros da história do futebol

1 - Cristiano Ronaldo
33 anos (2018)
Português
Juventus (ITA)
117 milhões de euros

2 - Miralem Pjanic
30 anos (2020)
Bósnio
Barcelona (ESP)
60 milhões de euros

3 - Leonardo Bonucci
30 anos (2017)
Italiano
Milan (ITA)
42 milhões de euros

Paulinho
30 anos (2019)
Brasileiro
Guangzhou Evergrande (CHN)
42 milhões de euros

5 - Radja Nainggolan
30 anos (2018)
Belga
Inter de Milão (ITA)
38 milhões de euros

6 - Gabriel Batistuta
31 anos (2000)
Argentino
Roma (ITA)
36,2 milhões de euros

7 - Jasper Cillessen
30 anos (2019)
Holandês
Valencia (ESP)
35 milhões de euros

8 - Mats Hummels
30 anos (2019)
Alemão
Borussia Dortmund (ALE)
30,5 milhões de euros

9 - Anthony Modeste
30 anos (2018)
Francês
Tianjin Quanjian (CHN)
29 milhões de euros

10 - Diego Milito
30 anos (2009)
Argentino
Inter de Milão (ITA)
25 milhões de euros

Fonte: Transfermarkt