PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Rafael Reis


Ex-capa da Playboy faz sucesso como agente e vira dona de clube de futebol

Anamaria Prodan, ex-capa da Playboy que virou dona de time na Romênia - Reprodução
Anamaria Prodan, ex-capa da Playboy que virou dona de time na Romênia Imagem: Reprodução
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

06/06/2020 04h00

Nono colocado no Campeonato Romeno, o Hermannstadt mudou de dono nesta semana. Agora, quem dá as cartas no clube é uma ex-modelo que já posou nua para a Playboy, apresentou um reality show na TV e se tornou a empresária de futebol mais bem sucedida do seu país.

Aos 47 anos, Anamaria Prodan anunciou nessa quinta-feira (4) a compra do clube, que acumulava dívidas na casa de US$ 1,1 milhão (R$ 5,5 milhões) e estava desesperado em busca de um novo investidor.

Essa é a empreitada mais alta da trajetória de pouco mais de uma década da agente, que vem derrubando barreiras impostas pelo preconceito há uma década e meia para se tornar um nome importante do futebol da Romênia.

Formada em direito, Prodan começou a se tornar conhecida na década de 1990, quando virou figurinha carimbada em revistas de celebridades e fotografou seus primeiros ensaios sensuais.

Nos anos 2000, foi contratada para trabalhar na televisão, participou de vários programas, virou apresentadora de reality show, casou-se com o ex-jogador e hoje técnico Laurentiu Reghecampf e mergulhou de vez no mundo do futebol.

Anamaria Prodan - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

A ex-modelo virou então uma renomada agente, que cuidou da carreira do ex-atacante Adrian Mutu, que defendeu Chelsea, Juventus e Fiorentina, e fechou a maior venda já feita por um clube romeno: a ida de Nicolae Stanciu, do Steaua Bucareste para o Anderlecht, em 2016, por 9,7 milhões de euros (R$ 54,3 milhões, na cotação atual).

Eleita por quatro anos consecutivos como a melhor empresária de futebol do seu país, ela também enveredou pela carreira de dirigente esportiva. Prodan foi cartola e também presidente de diferentes clubes das divisões menores.

Apesar de raro, o sucesso feito por Prodan no Mercado da Bola do futebol masculino está longe de ser um caso único. Há algumas outras agentes de destaque no mundo das transferências de jogadores.

O negócio mais importante já fechado para a próxima janela, a aquisição em definitivo do atacante argentino Mauro Icardi pelo PSG, foi intermediado por uma mulher, Wanda Nara, que é casada com o jogador.

Aqui no Brasil, Stephanie Figer é responsável por uma boa parte dos negócios envolvendo os atletas da carteira da empresa fundada pelo seu avô, o uruguaio Juan Figer. Já Dinorah Santana é quem cuida da carreira do lateral direito Daniel Alves, seu ex-marido.

Já no mundo das dirigentes esportivas, o nome mais importante é da russa naturalizada canadense Marina Granovskaia, diretora-executiva do Chelsea e, na prática, quem manda no cotidiano do clube inglês.

O futebol na Romênia foi paralisado na primeira quinzena março devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que matou mais de 1.280 pessoas no país, e será retomado no dia 13 de junho. Quem lidera a competição é o CFR Cluj, atual bicampeão nacional.

Rafael Reis