PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Rafael Reis


Brasil não existe no top 10 dos laterais direitos mais valiosos do planeta

Trent Alexander-Arnold, lateral direito do Liverpool, é o mais caro do mundo na posição - Paul Ellis/AFP
Trent Alexander-Arnold, lateral direito do Liverpool, é o mais caro do mundo na posição Imagem: Paul Ellis/AFP
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

08/05/2020 04h00

Não é à toa que Tite tem encontrado dificuldades para encontrar um sucessor para Daniel Alves na lateral direita da seleção brasileira.

O país, que já teve Carlos Alberto Torres, Leandro, Jorginho, Cafu, Maicon e foi durante muito tempo referência global na produção de jogadores da posição, está em uma entressafra de "camisas 2".

E a prova disso é que não há nenhum representante do futebol pentacampeão mundial no top 10 dos laterais direitos mais caros do planeta na atualidade, de acordo com estudo do "Transfermarkt", site especializado na cobertura do Mercado da Bola.

O ranking é liderado pelo jovem Trent Alexander-Arnold, de 21 anos, um dos principais jogadores do Liverpool, que tem valor de mercado estimado em 99 milhões de euros (quase R$ 620 milhões).

O astro inglês é bem mais caro que o segundo colocado do levantamento, o marroquino Achraf Hakimi, que defende o Borussia Dortmund e está avaliado em 54 milhões de euros (R$ 338,6 milhões).

Os espanhóis Dani Carvajal (Real Madrid) e Sergi Roberto (Barcelona), além do inglês Kyle Walker (Manchester City), completam o pódio. Cada um deles tem preço apontado em 40 milhões de euros (R$ 252 milhões).

Vale lembrar que todos esses valores já foram atualizados (para baixo) devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), que está gerando uma grave crise econômica também no futebol internacional.

A Inglaterra é, no momento, o país dos laterais direitos. Nada menos que quatro dos integrantes do top 10 dos mais caros da posição podem defender o English Team: Alexander-Arnold, Walker, Aaron Wan-Bissaka (Manchester United) e Kieran Trippier (Atlético de Madri).

A lista tem ainda três espanhóis (Carvajal, Sergi Roberto e Héctor Bellerín), dois portugueses (João Cancelo e Ricardo Pereira), um marroquino (Hakimi) e um francês (Benjamin Pavard).

O lateral direito brasileiro mais valioso da atualidade é Emerson, que tem contrato com o Barcelona e está emprestado ao Betis até o fim da temporada. O garoto de 21 anos, que estreou pela seleção no amistoso contra a Coreia do Sul, em novembro passado, tem preço estimado em 18 milhões de euros (R$ 113,6 milhões) e ocupa a 20ª colocação no ranking.

Além de Emerson, Tite também convocou nos últimos meses Danilo (Juventus), Fagner (Corinthians) e Marcinho (Botafogo). O titular da posição continua sendo Daniel Alves, que já tem 37 anos e hoje defende o São Paulo.

OS 10 LATERAIS DIREITOS MAIS VALIOSOS DO MUNDO

1 - Trent Alexander-Arnold (ING, Liverpool) - 99 milhões de euros
2 - Achraf Hakimi (MAR, Borussia Dortmund) - 54 milhões de euros
3 - Dani Carvajal (ESP, Real Madrid) - 40 milhões de euros
Kyle Walker (ING, Manchester City) - 40 milhões de euros
Sergi Roberto (ESP, Barcelona) - 40 milhões de euros
6 - João Cancelo (POR, Manchester City) - 36 milhões de euros
7 - Aaron Wan-Bissaka (ING, Manchester United) - 32 milhões de euros
Héctor Bellerín (ESP, Arsenal) - 32 milhões de euros
Ricardo Pereira (POR, Leicester) - 32 milhões de euros
10 - Benjamin Pavard (FRA, Bayern de Munique) - 28 milhões de euros
Kieran Trippier (ING, Atlético de Madri) - 28 milhões de euros

Fonte: Transfermarkt

Rafael Reis