PUBLICIDADE
Topo

Blog do Perrone

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Até setembro, futebol custou para o Fla quase o triplo do que para o Inter

Perrone

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

25/02/2021 08h38

Dados oficiais de Flamengo e Internacional mostram que o rubro-negro gastou até setembro do ano passado com seu departamento de futebol quase o triplo do que o Colorado. A rodada desta quinta (25) vai terminar com um dos dois como campeão nacional de 2020.

Os sites de ambos trazem relatórios financeiros atualizados até setembro do ano passado. O Flamengo registra como custo das atividades do futebol profissional e amador até o nono mês de 2020 R$ 398.366.000

Por sua vez, o Inter aponta como custo com futebol no mesmo período o valor de R$ 138.010.536. Ou seja, o custo flamenguista foi cerca de 2,8 vezes maior do que o do rival.

O custo médio mensal do Flamengo até setembro era de aproximadamente R$ 44.2 milhões diante de cerca de R$ 15,3 milhões registrados pelo Internacional.

O gasto maior do Flamengo é embalado por uma receita superior. O balancete de setembro de 2020 mostra que o clube da Gávea teve até então receita operacional líquida de R$ 495.822.000. Houve déficit de R$ 19.846.000.

No Internacional, a receita líquida até setembro foi de R$ 193.037.027 com déficit de R$ 74.700.220. Nos dois casos, o resultado (déficit) levam em consideração os números do clube todo, não só do futebol.

Blog do Perrone