PUBLICIDADE
Topo

Blog do Perrone

Em final de campanha, Duílio lança projeto de grama sintética na Fazendinha

Duilio Monteiro Alves concede entrevista coletiva no CT do Corinthians - Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Duilio Monteiro Alves concede entrevista coletiva no CT do Corinthians Imagem: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Perrone

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

23/11/2020 09h59

Duílio Monteiro Alves lançou o projeto "Arena Fazendinha" em sua campanha à presidência do Corinthians. No vídeo em que apresenta a ideia, ele explica que o antigo estádio do Parque São Jorge receberá grama sintética "padrão Fifa". Isso, segundo sua explicação, permitirá a realização de festas e shows que atualmente acontecem em outras áreas do clube com mais espaço e praticidade.

O candidato explica no material de campanha que a montagem e desmontagem de equipamentos e a limpeza após os eventos ficariam mais rápidas na Fazendinha, como é conhecido o estádio do Parque São Jorge.

Atualmente, segundo ele, o clube leva dias para liberar espaços, como quadras, após a realização de eventos. No novo formato, o campo ficaria apto para receber partidas em 48 horas.

Apesar de se referir ao projeto como arena, Duílio não fala no vídeo se seriam feitas obras no local, além da instalação do gramado sintético. Indagada se, além da nova grama, o estádio receberia outras melhorias, a assessoria de imprensa do candidato disse que enviará informações em breve.

No vídeo, Duílio não informa para até quantas pessoas serão os shows na Arena Fazendinha, mas fala que os "eventos sociais mais grandiosos" do alvinegro serão transferidos para lá.

Fica claro que o foco é o entretenimento do associado. Tanto que o ex-diretor de futebol também informa que os sócios poderão jogar bola no local, já que o gramado sintético é mais resistente do que o natural, usado atualmente. Hoje, o estádio recebe partidas de times das categorias de base e do futebol feminino.

Sem dar maiores detalhes, Duílio diz na apresentação do projeto que a Arena Fazendinha vai atrair patrocinadores ajudando na sustentabilidade da área social do clube. Historicamente, esse é um departamento que gera grande déficit para agremiação.

Outro candidato, Augusto Melo, aposta desde o início de sua campanha num projeto para gerar receitas na área social. Ele quer construir um hotel e uma roda gigante no formato do escudo corintiano, além de lojas e restaurantes em parte do clube para atrair o público em geral.

Por sua vez, o ex-presidente Mário Gobbi, também candidato, fala em discutir e aprovar um plano diretor para estabelecer metas para o clube social. Ele também melhorias nos serviços prestados aos sócios e a criação de um espaço para feiras e outros eventos no clube. A eleição corintiana acontece no próximo sábado (28) com voto dos sócios.

Blog do Perrone