PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Telefone vazado e ameaças à família fazem técnico da Lusa pedir demissão

Técnico Fernando Marchiori comanda treino da Portuguesa - Divulgação/Portuguesa
Técnico Fernando Marchiori comanda treino da Portuguesa Imagem: Divulgação/Portuguesa
Conteúdo exclusivo para assinantes
Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

23/09/2021 11h01

O treinador Fernando Marchiori, da Portuguesa, pediu demissão dois dias após o time ser eliminado pelo Caxias na Série D.
Ele gostaria de continuar. E o presidente Castanheira queria continuar com ele, mas o medo de ser agredido por torcedores falou mais alto.

O número do telefone de Marchiori chegou às mãos de descontentes com seu trabalho e foi vazado para grupos de whatsapp.

Foram muitas ameaças. Uma delas dizia saber o endereço de Marchiori e o nome de sua mulher. "Vamos te pegar".

Foi o gatilho para o treinador deixar de lado um trabalho que começou em fevereiro de 2020 e teve 59 jogos, 31 vitórias e 17 derrotas. É o melhor aproveitamento de um treinador da Portuguesa no século.

Ele venceu a Copa Paulista do ano passado, que deu uma vaga na Série D à Portuguesa, o que não acontecia havia cinco anos.

Foi eliminado duas vezes nas quartas de final da série A2 do Paulista, contra XV de Piracicaba e Água Santa.

Para voltar à Série D, a Portuguesa precisa vencer novamente a Copa Paulista. Lidera seu grupo com quatro pontos em dois jogos. Ainda sem treinador, recebe o Taubaté amanhã (24).

Menon