PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Luan anula Claudinho e mais dez pitacos sobre a vitória sofrida

Luan, volante do São Paulo - Rubens Chiri / saopaulofc.net
Luan, volante do São Paulo Imagem: Rubens Chiri / saopaulofc.net
Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

12/04/2021 22h24Atualizada em 12/04/2021 22h36

1) O São Paulo que goleou o São Caetano foi diferente do São Paulo que ganhou por 1 x 0 (gol contra) do Bragantino. Isso é bom. Mostra planejamento tático.

2) A única mudança foi a entrada de Luan no lugar de Igor Gomes. Para dar força à defesa. Para marcar Claudinho, o craque do Brasileiro. E ele cumpriu o que lhe foi pedido. O início da vitória veio daí.

3) Rojas e Pablo começaram a partida. E a dupla foi mal novamente. Estão perdendo a oportunidade dada.

4) Rojas jogou na direita e na esquerda. E não conseguiu nada de bom em 45 minutos. Faltou velocidade.

5) Pablo é um centroavante que a Natureza marca. De vez em quando faz um gol bonito, mas tem pouca presença, não incomoda zagueiro e chuta pouco de fora.

6) Luciano entrou e mudou o jogo. Velocidade e bons passes. No último lance pode ter tido uma distensão. Preocupante.

7) Crespo pensa rápido. Tirou Igor Vinicius e colocou Igor Gomes, com Daniel na lateral. Em seguida, Nestor pediu para sair e Crespo mandou Daniel de volta para o meio e colocou Galeano na lateral. Deve fazer parte dos treinamentos.

8) O paraguaio fez o que podia fazer. Muito esforço e dedicação na posição que não é a sua. Foi importante no final, quando o São Paulo foi sufocado.

9) Eder é rápido para o contra-ataque, se coloca bem, mas, novamente me pareceu interessado em cavar faltas.

10) Reinaldo tem muita força ofensiva. Com três zagueiros, pode jogar mais solto. Leo Pelé é fundamental para que o sistema funcione. Inicia a saída pela esquerda e faz boa cobertura.

11) Contra o Guarani, a vez é de Miranda e Benítez. E Bruno Rodrigues? Tomou Doril?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Menon