PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Miranda vai custar menos que Juanfran

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

05/03/2021 13h15Atualizada em 06/03/2021 18h56

O São Paulo fechou com Miranda neste sábado. A oferta é de contrato por um ano, com possibilidade de renovação por mais um.

No início das negociações, o pedido de Miranda foi considerado "estratosférico", em torno de R$ 18 milhões por ano.

A proposta do São Paulo foi bem mais modesta: algo em torno de R$ 650 mil fixo + produtividade. Como se mede a produtividade? Pelo número de jogos como titular. Não é um número difícil de alcançar, principalmente pelas boas condições físicas do jogador.

Também há bônus, envolvendo conquista de títulos. Títulos rendem dinheiro e uma parte seria repassada a ele.

A engenharia financeira é feita para não ultrapassar o que se gastava com Juanfran, 150 mil euros por mês, algo em torno de R$ 1 milhão na cotação de hoje.

Menon