PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Um time formado por jogadores fracassados e sem personalidade

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

23/02/2021 04h00

Os jogadores do São Paulo sabiam que precisavam vencer o Botafogo para ficar na fase de grupos da Libertadores?

Os jogadores do São Paulo sabiam que a classificação renderia dinheiro para o clube?

Os jogadores sabiam que perder o jogo seria ruim, muito ruim para a próxima temporada?

Que ficariam marcados por mais um vexame?

A palavra caráter tem significados diferentes em espanhol e português.

Em espanhol, tem a ver com fibra, força mental e determinação. Gustavo Gómez.

Em português, tem a ver com falta de ética. Ética trabalhista, por exemplo.

Quando o assunto é caráter, os jogadores do São Paulo são poliglotas.

Não têm fibra. Não se empenham em campo. Não respeitam a profissão, não respeitam a torcida e não respeitam a instituição. Isso é falta de ética. Falta de "moral", em termos de trabalho. São pagos para trabalhar e não aparecem em campo.

Os jogadores do Botafogo rebaixado corriam muito mais que os fracassados do São Paulo. Corriam para diminuir a vergonha do ano todo.

Os do São Paulo caminhavam em campo. Trocavam passes com malemolência. Nada de pressionar saída de bola, nada de divididas. Jogadores do São Paulo não gritam, não encaram, não competem.

Tchê Tchê é o maior exemplo. E há tantos outros. Gabriel Sara sabe que seu futuro poderia estar sendo definido nesse jogo?

Não merecem disputar a Libertadores.

Não merecem vestir a gloriosa camisa do São Paulo, um gigante.

Serão esquecidos pelo futebol.

Serão lembrados pela infâmia.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Menon