PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

Culpar Casares é absolver jogadores sem técnica e fibra e treinador incapaz

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

23/01/2021 21h36

Júlio Casares trocou Alexandre Pássaro por Carlos Belmonte. É um direito dele. Ganhou a eleição e coloca os seus dirigentes. E manteve Raí até o final do Brasileiro, para fazer uma transição segura.

Não é possível que uma troca dessas possa ser usada como justificativa para uma queda de produção tão grande, com dois empates e três derrotas.

Se isso for motivo para tanta vergonha seguida, que tipo de jogadores tão sensíveis e meigos existem nesse elenco?

Que jogadores com autoestima tão baixa!

Que jogadores sem personalidade!

Que jogadores sem fibra!

Se um diretor de hospital é trocado, os médicos vão começar a matar pacientes?

Perdeu a mulher amada? Coloca Nelson Gonçalves ou Altemar Dutra, tome um trago amargo e vai pro Tinder. Vai ficar chorando?

Culpar Casares - mesmo se ele estiver errado - é dar uma muleta para jogadores sem fibra, com má qualidade técnica e a um treinador sem condições de ocupar o cargo.

Menon