PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

Empate preocupante do São Paulo, que está perdendo fôlego

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

25/11/2020 21h36

O São Paulo empatou com o Ceará em um dos três jogos que tinha atrasado. Um ponto que o aproxima do Flamengo e que deixa ainda aberta a possibilidade de liderança.

Foi a 13° partida seguida sem derrota.

Pensando assim, está tudo bem. Mas é um resultado preocupante.

1) Foi o segundo empate seguido contra equipes que lutam contra rebaixamento.

2) Fernando Diniz fez a primeira substituição aos 35 minutos. O que significa? Elenco curto. Poucas opções para mudar o jogo.

3) Falta determinação anímica. Precisa ganhar, vamos ganhar, pressionar, ganhar na superação. O time não mostrou isso nos dois últimos jogos. Contra o Vasco, só jogou no segundo tempo. Contra o Ceará, jogou bem nos 20 minutos iniciais e nos 20 minutos finais.

O árbitro e o VAR deram um show de incompetência. Foi nítido o impedimento no gol anulado do São Paulo. O juiz anulou. E depois, deu. O Ceará deu a saída. E o VAR chamou. E o gol foi anulado novamente.

Só que o jogo já havia sido reiniciado.

Com certeza, o jogo vai para Tribunal.

Triste futebol brasileiro.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Menon