PUBLICIDADE
Topo

Fluminense joga melhor e Flamengo vence. Normal

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

12/07/2020 18h28

Eu não acredito em justiça no futebol. Eu não acredito em justiça no Brasil. Eu não acredito em justiça no futebol brasileiro.

O Flamengo venceu por 2 x 1. E mostrou algumas coisas que precisam ser ajustadas. O Fluminense perdeu por 2 x 1 e mostrou mais do que se esperava. Pelo menos do que eu esperava.

Rafinha, por exemplo. Jogou onde, podemos dirigir a ele a pergunta que ele faz aos adversários. Não dá segurança defensiva ao Flamengo. Os dois gols do Flu, nos dois jogos, saíram do lado dele. Perdeu o duelo com Egídio e isso é preocupante.

Gabigol está disperso. Parece sentir falta da ligação emocional que tem com os torcedores.

E, o principal, o time está jogando sem a intensidade de sempre, marca que Jesus implantou no ano passado.

Ironia. Mesmo sem vencer nenhum dos dois jogos, o Fluminense tirou do Flamengo a aura de invencível.

O Fluminense esteve perto da vitória, pressionou bastante e sofreu o segundo gol em uma falha de Egídio. Seu erro, ao perder a dividida com Gabigol, foi potencializado pela má recomposição defensiva, com Michael marcando.

É um time bem postado na defesa e com boa transição, com Evanílson e Marcos Paulo. Não sei como seria com Fred.

Justiça?

Quem pode tirar do banco, ao mesmo tempo, Everton Ribeiro, Gerson e Michael?

Menon