PUBLICIDADE
Topo

Vingança é um prato frio, e Cavani jantou Leonardo

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

22/06/2020 11h56

Que troco!

Leonardo esticou demais a corda e foi amarrado sem dó por Edinson Cavani. Levou um nó.

O brasileiro assumiu a direção do PSG há um ano e resolveu endurecer negociações com muitos jogadores. Na sua opinião, o clube pagava muito e recebia pouco. Também queria um novo perfil de jogadores, mais jovens e comprometidos.

Resolveu dispensar Thiago Silva e Cavani.

Em relação ao uruguaio, Leonardo deu sinais dúbios e até contraditórios.

1) Em setembro de 2019, trouxe o argentino Mauro Icardi, centroavante como Cavani. O uruguaio começou a balançar

2) Em janeiro, o clube exigiu do Atlético de Madri uma proposta de 20 milhões de euros. Cavani ficou. Furioso, mas ficou.

3) Em 13 de junho, anunciou que Cavani e Thiago Silva não teriam contrato renovado. Disse também que gostaria de prorrogar o contrato por dois meses, até o fim da Liga dos Campeões.

4) Cavani disse nananinanão e assinou com o Atlético de Madri. Bye, bye, so long farewell.

Alguém está errado? Alguém está certo? São negócios. Nada mais. Leonardo quis tudo e ficou com nada. Pensou que Cavani não teria opções.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do informado inicialmente neste post, o PSG exigiu 20 milhões para liberar Cavani, e não rejeitou uma proposta deste valor. O erro foi corrigido.
Ao contrário do informado inicialmente neste post, Cavani não poderá atuar pelo Atlético de Madrid (Espanha) na edição atual da Liga dos Campeões.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Menon