PUBLICIDADE
Topo

Menon


Cássio salva o Corinthians

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

26/01/2020 21h10

O bom futebol mostrado na goleada contra o Botafogo, passou longe do empate contra o Mirassol. Quem garantiu o empate foi Cássio em dia de São Cássio.

Seria injustiça esquecer o lindo gol corintiano, fruto de uma jogada coletiva que deve ter deixado Tiago Nunes nas nuvens. Um exemplo do que ele deseja.

O técnico Ricardo Catalá merece elogios. O time do Mirassol mostrou ser bem treinado. Todos sabem o que fazer em campo. Mostrou muita força pelos lados do campo e intensa marcação na saída de bola do Corinthians.

Poderia vencer, talvez até merecesse vencer, mas havia um Cássio no meio do caminho.

Gigante Cássio.

Menon