PUBLICIDADE
Topo

Mauro Cezar Pereira

Flamengo já perdeu mais grandes chances de gol do que Galo e Grêmio somados

Gabigol: 9 finalizações e 1 gol no Sport - Alexandre Vidal / CRF
Gabigol: 9 finalizações e 1 gol no Sport Imagem: Alexandre Vidal / CRF
Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN.

02/02/2021 12h55

O Flamengo perdeu, mais uma vez, enorme quantidade de gols nos 3 a 0 sobre o Sport, segunda-feira, no Recife. Foram nada menos que 21 finalizações, 13 só no primeiro tempo, sendo nove arremates do interior da área da equipe pernambucana.

A partida em Pernambuco lembrou a primeira vitória do campeão brasileiro sob o comando de Rogério Ceni. Nos 3 a 1 sobre o Coritiba, no Maracanã, quando os rubro-negros somaram 23 finalizações, nove certas, criando 11 grandes oportunidade e jogando fora 10! Em todo o campeonato o Sport, por exemplo, acumulou apenas 13 situações claras desperdiçadas.

Leia também: Flamengo perde gols, mesmo assim faz 3 a 0 no Sport e (per)segue o líder

Levantamento do SofaScore mostra que, sozinho o campeão brasileiro desperdiçou mais chances cristalinas do que Atlético-MG e Grêmio juntos (veja abaixo). Em 2019, quando ergueu o troféu, foram 127 chances criadas e 67 perdidas. Na edição 2020 da Série A os flamenguistas já somam 116 (média maior) com 80 desperdiçadas.

Os atacantes Pedro, Gabriel e Bruno Henrique somam 44 grandes chances perdidas. Se eles fossem um time, estariam terceiro no ranking. Com tamanha falta de pontaria, fica mais fácil entender a campanha inconsistente do caro time que o Flamengo possui no campeonato.

Siga Mauro Cezar no Twitter

Siga Mauro Cezar no Instagram

Siga Mauro Cezar no Facebook

Inscreva-se no Canal Mauro Cezar no YouTube