PUBLICIDADE
Topo

Marcel Rizzo

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Prepare o bolso: valor de ingresso para Palmeiras x Flamengo será bem alto

Estádio Centenário, em Montevidéu, em junho de 2021 antes da reforma - Nicolás Celaya/Xinhua
Estádio Centenário, em Montevidéu, em junho de 2021 antes da reforma Imagem: Nicolás Celaya/Xinhua
Marcel Rizzo

Marcel Rizzo - Formado em jornalismo em 2000 pela PUC Campinas, passou pelas redações do Lance!, Globoesporte.com, Jornal da Tarde, Portal iG e Folha de S. Paulo, no qual editou a coluna Painel FC. Cobriu Copas do Mundo, Olimpíada e dezenas de outros eventos esportivos.

Colunista do UOL

16/10/2021 04h00

O preço do ingresso para ver a final da Libertadores entre Palmeiras e Flamengo, dia 27 de novembro em Montevidéu (Uruguai), será alto. A coluna apurou que a Conmebol trabalha com US$ 250 (R$ 1,36 mil na cotação atual) para as entradas que serão reservadas aos clubes.

Uma reunião com os finalistas ocorrerá para tratar de logística e distribuição dos bilhetes, e os cartolas devem reclamar do valor e pedir para fixar entre US$ 100 (R$ 545) e US$ 150 (R$ 818). Mas o alto custo para organizar a finalíssima no cenário pandêmico dificilmente diminuirá o preço a ponto de chegar próximo à cifra de novembro de 2019, quando o ingresso custou US$ 80 (R$ 340 na cotação da época, e R$ 435 na atual) para a final entre Flamengo e River Plate, em Lima (Peru). A decisão é da Conmebol.

A entidade pretende confirmar nas próximas duas semanas os valores e a data de início da venda —como em 2019, deverá ser feito via site da confederação, mas os clubes definirão prioridades de torcedores, como sócios, provavelmente por meio de senhas geradas. Os ingressos com valor estimado em US$ 250 serão os destinados aos brasileiros, inclusive às organizadas que estão preparando caravanas —a cota dos times será de 50% do total de público liberado, ainda não definido pelo governo uruguaio.

Se em 2019 o ingresso custou US$ 80, a decisão de 2020 entre Palmeiras e Santos, no Maracanã, foi realizada somente em 30 de janeiro de 2021, por causa da pandemia, e não teve público pagante, apenas distribuição de convites —cerca de 5 mil pessoas estiveram no estádio.

Cota

A Conmebol já tem a garantia de 50% da capacidade, cerca de 30 mil assentos do estádio Centenário, mas já há sinal positivo do governo do Uruguai de que esse número possa chegar a 45 mil lugares —há expectativa que libere 100%. Por enquanto deve ser reservado aos clubes a quantidade proporcional já garantida, cerca de 7,5 mil ingressos para cada.

A confederação ainda venderá entradas a residentes no Uruguai e pacotes de hospitalidade, como áreas VIP e camarotes, a valores diferenciados. Parte dos bilhetes será reservada a convites para autoridades da América do Sul.

As torcidas de Flamengo e Palmeiras ficarão nos setores Colombes e Amsterdã, atrás dos gols, cada uma em uma cabeceira para evitar confrontos dentro do estádio. A tribuna Olímpica, centralizada, terá ingressos vendidos a residentes no Uruguai, enquanto na tribuna América, do lado oposto da Olímpica, se concentrarão as áreas de hospitalidade, convidados e imprensa.

A final da Copa Sul-Americana entre Red Bull Bragantino e Athletico-PR, dia 20 de novembro no mesmo estádio Centenário, também deve ter ingressos caros, a partir de US$ 150 (R$ 816), para os torcedores dos finalistas.