Juca Kfouri

Juca Kfouri

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
Opinião

A venda de Dudu e a inimiga da perfeição

Você escolhe entre duas máximas populares: apressado come cru ou queima a língua e a pressa é inimiga da perfeição.

Ambas cabem perfeitamente neste imbróglio do anúncio prematuro por parte do Palestra mineiro ao anunciar uma transferência espetacular sem que estivesse assinada.

O desenlace, seja qual for, deixará mal os três lados: se ficar no Palestra paulista, Dudu terá deixado seus fãs magoados pela intenção inicial de ir embora; se for para o Cruzeiro, provocará desconfiança entre os cruzeirenses pelo arrependimento manifestado.

O Palmeiras que, com razão, viu a oportunidade de bom negócio, caso Dudu fique, manterá um jogador que preferiria negociar e o Cruzeiro, sem saída, receberá o veterano arrependido, mas muitíssimo bem pago e sem que se saiba como voltará da grave lesão responsável por tirá-lo por dez meses dos gramados.

Se a solução negociada entre as partes for a de reprová-lo no exame médico e ficar o dito pelo não dito, o departamento médico sairá mal na foto.

Depois do episódio do pré-contrato de Abel Ferreira, convenhamos, melhor será ir devagar e sempre.

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Deixe seu comentário

Só para assinantes