PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em boa fase no Cruzeiro, Arrascaeta troca equitação por pescaria em BH

Arrascaeta costuma pescar durante as folgas no Cruzeiro - Arquivo Pessoal
Arrascaeta costuma pescar durante as folgas no Cruzeiro Imagem: Arquivo Pessoal

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

30/04/2017 04h00

Giorgian De Arrascaeta tem uma nova paixão em Belo Horizonte. Fã de corridas de cavalos desde os tempos em que atuou pelo Defensor Sporting, do Uruguai, o jogador adotou outro hobby no Brasil: a pescaria.

A convivência com Bruno Rodrigo (atualmente no Grêmio), Rafael e Dedé fez com que o camisa 10 passasse a curtir outra atividade no tempo livre. Em vez de ir aos hipódromos, ele opta por frequentar os locais que oferecem pesque e pague na região metropolitana de Belo Horizonte.

Ao lado da namorada e dos companheiros de Cruzeiro, o atleta gringo costuma registrar as suas idas a pesqueiros do estado. As imagens não deixam dúvidas. Ele tem talento para praticar a pesca também.

Responsável por indicar os melhores locais para o jogador de 22 anos, o zagueiro Dedé garante que não há competição entre eles para saber quem é o melhor pescador do elenco:

"O Arrascaeta está pescando também, tenho visto alguns vídeos dele. Até indicamos um pesqueiro pra ele em Minas, que tem uns peixes grandes. A gente não disputa quem pesca o maior ou pesca mais, vamos mais pelo lazer mesmo. Competitividade somente em campo, fora dele somos unidos, como uma família", disse ao UOL Esporte.

Se, fora de campo, o meia-atacante esbanja talento para a pescaria e a equitação (ele tem até uma tatuagem de jóquei na panturrilha), dentro dos gramados, o camisa 10 vive um de seus melhores momentos desde a chegada ao Cruzeiro.

Presente em 18 partidas da equipe mineira na atual temporada, o meia-atacante fez seis gols e se responsabilizou por quatro assistências.

Futebol