Topo

Esporte


Sem inspiração, Lyon e Barcelona abrem confronto da Champions com 0 a 0

Do UOL, em São Paulo

19/02/2019 18h52

Faltou inspiração a Lyon e Barcelona. Os dois times se enfrentaram hoje na França, em duelo pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa 2018/2019, e ficaram no empate por 0 a 0.

A partida teve dois tempos distintos. No primeiro, o Lyon mostrou velocidade e bom toque de bola, mas ofereceu pouco perigo ao Barcelona; no segundo, os catalães aceleraram o ritmo e pressionaram os franceses, que se fecharam com eficiência.

As duas equipes voltam a entrar em campo no dia 13 de março, quando definem a classificação no Camp Nou, em Barcelona. O Barça avança com vitória por qualquer placar em casa, enquanto o Lyon avança com vitória ou qualquer empate com gols. Novo 0 a 0 leva o duelo à prorrogação.

Melhor, Alba cresceu com o Barça

O Barcelona teve um primeiro tempo apagado, de pouca ofensividade. No entanto, com o Lyon recuado após o intervalo, o time cresceu - e, com ele, a atuação de Jordi Alba. Saíram dos pés do camisa 18 algumas das melhores chances de gol, que pararam na falta de inspiração de Luis Suárez. O lateral até se arriscou chutando a gol, mas sem muita precisão.

Pior, Luis Suárez atrapalhou ataque

O uruguaio não vive sua fase das mais inspiradas, e o jogo contra o Lyon foi mais uma vez sintomático. No segundo tempo, teve pelo menos três boas chances mas se enrolou com a marcação (aos 17 min), errou o alvo (aos 25 min) ou chegou atrasado (aos 28 min).

Suárez perdeu boas chances no segundo tempo, quando o Barcelona foi melhor - Franck Fife/AFP
Suárez perdeu boas chances no segundo tempo, quando o Barcelona foi melhor
Imagem: Franck Fife/AFP

Philippe Coutinho: apagado de novo

Inicialmente reserva, o brasileiro foi a campo aos 21 min do segundo tempo, em momento de crescimento do Barcelona, para substituir Ousmane Dembelé. Logo aos 25 min, Coutinho serviu Jordi Alba, que cruzou para Luis Suárez bater para fora, dando a impressão de que poderia aparecer de maneira mais decisiva. No entanto, ficou nisso e teve mais uma atuação discreta.

1º tempo
Lyon pressiona; Barça contra-ataca

Em casa, o Lyon começou o jogo buscando uma vantagem rápida. Aos 5 min, após roubada na saída de bola do Barça, Houssem Aouar recebeu e arriscou da entrada da área, obrigando Marc-André Ter Stegen a se virar e defender a bola no canto esquerdo. De quebra, aos 9 min, Martin Terrier também mandou da entrada da área e só não marcou porque Ter-Stegen espalmou - a bola ainda bateu no travessão antes da recuperação do camisa 1.

No primeiro tempo, Ter-Stegen espalmou chute de Terrier, e bola ainda pegou no travessão - Jeff Pachoud/AFP
No primeiro tempo, Ter-Stegen espalmou chute de Terrier, e bola ainda pegou no travessão
Imagem: Jeff Pachoud/AFP

Aos poucos, o Barça foi recuperando terreno e equilibrando a partida nos contra-ataques. Só que, sem conseguir ameaçar de fato o goleiro Anthony Lopes, viu o Lyon assustar nos acréscimos, em passe de Moussa Dembélé que Martin Terrier bateu por cima do gol. Na resposta dos catalães, Sergio Busquets aproveitou uma sobra de bola no ataque e bateu de fora da área - o chute desviou e passou com perigo à direita de Lopes.

2º tempo
Papéis invertidos? Barça encurrala

O Lyon voltou para o segundo tempo mais defensivo, disposto a atrair o Barcelona e se arriscar nos contra-ataques. Aos 15 min, Memphis Depay avançou pela esquerda e cruzou fechado, mas Marc-André Ter Stegen defendeu em dois tempos. O Barcelona, por sua vez, tentou invadir a área aos 17 min, em passe de Lionel Messi para Luis Suárez, mas o uruguaio se enrolou e foi travado na hora do chute.

Aos 19 min, Messi tentou resolver com um chute forte pela esquerda, mas Anthony Lopes defendeu. Seis minutos depois, também pela esquerda, Jordi Alba cruzou rasteiro para Luis Suárez, que virou e concluiu para fora. Aos 28 min, Alba tentou de novo, mas Suárez chegou atrasado e não conseguiu tirar de Lopes, que ficou com a bola.

No fim, o Barça teve boas chances - aos 40 min, Busquets arriscou da entrada da área e Lopes espalmou por cima. Os espanhóis ainda sufocaram, mas não conseguiram marcar.

Rafael Reis vê Lyon em vantagem sobre o Barcelona após empate

UOL Esporte

FICHA TÉCNICA
LYON 0 X 0 BARCELONA

Data: 19 de fevereira de 2019 (terça-feira)
Hora: 17h (horário de Brasília)
Local: Groupama Stadium, em Décines-Charpieu (FRA)
Árbitro:  Cuneit Çakir (TUR)
Assistentes: Bahattin Duran (TUR) e Tarik Ongun (TUR)
Cartões amarelos: Houssem Aouar (LYO) e Leo Dubois (LYO); Sergi Roberto (BCN) e Nelson Semedo (BCN)

LYON: Anthony Lopes; Leo Dubois, Marcelo, Jason Denayer e Ferland Mendy; Tanguy N'dombèlé (Pape Diop) e Houssem Aouar; Bertrand Traoré (Lucas Tousart), Memphis Depay e Martin Terrier (Maxwel Cornet); Moussa Dembélé
Técnico: Bruno Génésio

BARCELONA: Marc-André Ter Stegen; Nelson Semedo, Gerard Piqué, Clement Lenglet e Jordi Alba; Sergio Busquets, Sergi Roberto (Arturo Vidal) e Ivan Rakitic; Lionel Messi, Luis Suárez e Ousmane Dembelé (Philippe Coutinho)
Técnico: Ernesto Valverde

Esporte