PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Luan volta a decidir e entra no top 3 do Grêmio na Libertadores

Camisa 7 fez dois gols em jogo contra o Barcelona, no Equador - Dolores Ochoa/AP
Camisa 7 fez dois gols em jogo contra o Barcelona, no Equador Imagem: Dolores Ochoa/AP

Do UOL, em Porto Alegre

26/10/2017 00h24

Luan foi o grande nome do Grêmio diante do Barcelona-EQU, em Guayaquil, e com a atuação no Equador catapultou o meia-atacante para um seleto grupo de jogadores. Autor de dois gols, o camisa 7 agora aparece entre os três atletas que mais marcaram na Copa Libertadores pelo clube gaúcho.

Com oito gols, sete na atual edição, Luan empatou com Osvaldo e Paulo Nunes no ranking particular do Grêmio sobre artilheiros na Libertadores.

Referência do time desde 2015, Luan só fica atrás de Rodrigo Mendes, que acumula 10 gols com o Grêmio em jogos de Libertadores, e Jardel. O centroavante multicampeão tem 16.

Luan abriu e fechou o placar em Guayaquil. O primeiro após boa jogada de Bruno Cortez pela esquerda e o último depois de avanço pelo outro flanco, com investida de Edilson.

"Isso já vem sendo combinado com eles, o time deles entra muito. Falei para quem fosse cruzar tocar mais para trás", disse Luan.

O meia-atacante chegou a ficar 56 dias fora do time titular do Grêmio - em consequência da convocação para seleção brasileira e depois lesão muscular. No período fora, chegou a debater com Renato Gaúcho e a comissão técnica para apressar o retorno. Acabou sendo obrigado a esperar e só voltou na semana passada. Diante do Corinthians.

"O jogo com Corinthians e Palmeiras eu procurei me movimentar bastante. Tinha em mente que esse jogo era importante. Procurei priorizar a parte física para 100%. Quando eu estava tratando, até briguei com os médicos para manter a forma física", comentou Luan.
 

Futebol