PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Capitão do Grêmio revela surpresa com postura do Rosario: "Não esperávamos"

Maicon disse que a postura do rival do Grêmio surpreendeu no jogo da Libertadores - Lucas Uebel/Grêmio
Maicon disse que a postura do rival do Grêmio surpreendeu no jogo da Libertadores Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

28/04/2016 12h04

A análise feita pelo Grêmio não mostrava o Rosario Central marcando em cima e tirando os espaços na saída de bola. Pelo menos foi o que disso o volante e capitão do time, Maicon. Segundo ele, a atitude do rival na última quarta foi uma surpresa (Mauro Beting e Claudio Carsughi também analisam a derrota do Grêmio no podcast Tabelinha. Clique aqui). 

"Vimos vídeos deles. Tínhamos analisado as partidas e a gente não tinha visto que eles jogavam desta maneira. Não esperávamos eles desta forma", disse o marcador após a derrota por 1 a 0 na Arena. "Mas tenho certeza que temos totais condições de reverter o placar na Argentina", completou. 

Curiosamente, o Rosario Central manteve exatamente a mesma postura em todos os jogos da Libertadores. Enfrentou o Palmeiras duas vezes e sempre com a marcação alta e usando jogadas ensaiadas em cobranças de falta. 

"Já fizemos partidas que não foram boas por erros nossos mais do que por força do adversário. Hoje foi por força do adversário. Não nos deixaram jogar nosso jogo e não conseguimos criar alternativas. Jogamos mal, o adversário mereceu a vitória e cabe a nós reverter na Argentina", explicou o técnico Roger Machado. 

O Grêmio precisa vencer por dois ou mais gols de diferença no duelo de volta, na próxima quinta-feira, na Argentina. Se vencer por um, deve marcar dois ou mais como visitante. Sendo assim, avança às quartas de final. Vitória por 1 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Qualquer outro resultado faz o Rosario passar de fase. 

Futebol