PUBLICIDADE
Topo

Espanhol - 2019

Livro revela como Messi "fritou" Ibrahimovic no Barcelona

Do UOL, em São Paulo

29/09/2013 15h10

O relacionamento entre Messi e Ibrahimovic era ruim antes mesmo da chegada do sueco ao Barcelona. É o que afirma o livro ‘Mistério de Messi’, dos jornalistas Sebastián Fest e Alexandre Juillard, que traz supostas revelações de bastidores do craque no clube catalão. Entre elas, está a afirmação de que o argentino teria ameaçado deixar a equipe após a contratação do companheiro e teria usado sua influência para que ele fosse negociado.

Logo em seu primeiro capítulo, chamado “O Choque”, a publicação diz como Messi teria usado sua influência para tirar Ibrahimovic , então jogador do clube em 2009. Segundo o livro, Messi enviou uma mensagem para o celular de Guardiola com os seguintes dizeres. “Tudo bem, eu vejo que eu não sou mais importante para a equipe, então ...".

Inquieto e nervoso, Messi não teria digerido bem a notícia de que a contração de Zlatan Ibrahimovic havia sido um pedido especial de Pep Guardiola. O argentino teria considerado que a chegada sueco não era boa para ele por atuarem em posições parecidas.

O suposto SMS enviado por Messi a Guardiola no início da temporada 2009-10 teria acendido um sinal de alerta no treinador, que percebeu a rebeldia e a irritação do sueco por querer não atuar conforme as orientações táticas da equipe.

“É assim que sei jogar, e é assim que vou jogar, como um centroavante”, teria dito o sueco a Guardiola.

Estas declarações teriam sido recebidas de forma negativa no vestiário do clube catalão e o sueco deixou a equipe na temporada seguinte.