PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Carille evita falar de Rodriguinho e admite surpresa com postura do Racing

Campeão paulista e líder do Brasileiro, Carille deu adeus à Sul-Americana - Gustavo Garello/AP
Campeão paulista e líder do Brasileiro, Carille deu adeus à Sul-Americana Imagem: Gustavo Garello/AP

Do UOL, em São Paulo

21/09/2017 00h21

Eliminado da Copa Sul-Americana no empate sem gols com o Racing-ARG na noite desta quarta-feira, o Corinthians teve dois jogadores expulsos. O cartão vermelho determinante, porém, foi de Rodriguinho, aos 19min do segundo tempo. O treinador Fábio Carille, porém, evitou falar sobre o lance. 

Veja os melhores momentos de Racing 0 x 0 Corinthians

"Não assisti ao jogo ainda. Vocês que têm a imagem podem falar melhor. Nós buscamos o gol, mas temos um adversário. Rodamos a bola, faltou ser agressivo. É um time bem armado e forte que soube se defender", disse sobre o Racing. 

O treinador, que pouco falou no Estádio Presidente Peron, admitiu que a postura defensiva do time da casa foi algo inesperado. Como havia empatado em 1 a 1 em São Paulo, o Racing foi mais cauteloso.

"A postura do Racing surpreendeu. Esperava um time propondo mais o jogo. O que me deixou satisfeito é que conseguimos rodar a bola. No terço final faltou o passe, faltou ser ousado, tentar uma tabela e finalizar mais. No segundo tempo, melhorou um pouco, e a entrada do Rodriguinho era para deixar ele mais próximo do Jô e ter uma presença mais forte na área", completou Carille. 

Líder da Série A, o Corinthians já vai a campo no domingo em visita ao São Paulo. O treinador deverá ter os 11 titulares ideais à disposição, com a presença do lateral Guilherme Arana, poupado da ida à Argentina. 

Futebol