Topo

Futebol


Ney Franco rebate Rogério Ceni e desaprova atitude do goleiro do São Paulo

Rogério Ceni envolveu-se em polêmica com o técnico Ney Franco, do São Paulo - Marcelo de Jesus/UOL
Rogério Ceni envolveu-se em polêmica com o técnico Ney Franco, do São Paulo Imagem: Marcelo de Jesus/UOL

Renan Prates

Do UOL, em São Paulo

25/10/2012 00h55

O técnico Ney Franco não gostou da atitude do goleiro Rogério Ceni, que pediu de forma deliberada uma substituição no segundo tempo. Rogério implorou no segundo tempo pela entrada de Cícero, pois queria um homem de referência na área, mas ele optou por colocar Willian José em campo.

Rogério Ceni gesticulou por minutos para que Ney Franco atendesse a seu pedido, pois ele estava do lado oposto a do banco de reservas. Irritado, o treinador chamou Willian José e foi até o meio de campo para discutir com o goleiro.

 

“Não aprovo, acho que é cada um na sua, cada um fazendo sua função. Se eu achasse que o Cícero tivesse que entrar eu colocaria, então eu não aprovo”, falou Ney Franco, nitidamente irritado.

Ney Franco claramente não gostou do pedido de Rogério Ceni e viu no episódio um caso de ingerência. Mas o treinador descartou ter um papo reservado com o goleiro do São Paulo. “Vou conversar com todo o grupo, como faço sempre após os jogos”.

Não é a primeira vez que Rogério Ceni interfere no trabalho de um treinador no São Paulo. Na era do técnico Sérgio Baresi, o goleiro pediu a entrada de Cleber Santana em uma partida e foi atendido.

Futebol