UOL Esporte Futebol
 
Ricardo Nogueira/Folhapress

Luan comemora com Lincoln gol do Palmeiras no triunfo sobre o Atlético-MG

10/11/2010 - 23h45

Na raça, Palmeiras bate reservas do Atlético-MG por 2 a 0 e vai à semifinal

Rodrigo Farah
Em São Paulo

Foi na base da raça, bem ao estilo Felipão. Mas no fim, o Palmeiras cumpriu seu papel diante dos reservas do Atlético-MG no Pacaembu. Nesta quarta-feira à noite, o time alviverde esbanjou vontade e derrotou a equipe mineira por 2 a 0 para avançar à semifinal da Copa Sul-Americana.

Empurrado pela euforia do estádio lotado, o Palmeiras sacramentou o triunfo de maneira vibrante. A equipe não deu show e nem foi primorosa tecnicamente. Longe disso. Mas ainda assim mostrou grande entusiasmo para levar a melhor graças a um gol olímpico de Marcos Assunção no primeiro tempo e outro de Luan na etapa final.

Agora, o Palmeiras volta a atenção para o vencedor de Avaí e Goiás, que decidem a outra vaga nesta quinta-feira, em Florianópolis. A semifinal deverá ser disputada já na semana que vem, mas a data ainda será oficializada pela Conmebol. A única certeza é que o clube alviverde terá a vantagem de decidir o jogo da volta no Pacaembu.

PRINCIPAIS LANCES

PRIMEIRO TEMPO
9min - Valdivia recupera a jogada, arranca em velocidade e rola para Tinga. O volante chuta de primeira dentro da área, mas Renan Ribeiro faz boa defesa e evita o gol. Logo em seguida, o chileno volta a reclamar de dores e acaba substituído por Lincoln sete minutos depois
16min - Ricardo Bueno recebe bom passe de Fernandinho e chuta rasteiro. Bem colocado, Deola espalma para escanteio com bela defesa
26min - GOOOLLL DO PALMEIRAS!!! Marcos Assunção cobra escanteio fechado na primeira trave. A bola desvia em Alê e vai para o gol
SEGUNDO TEMPO
13min - Ricardo Bueno tabela pela direita com Fabiano, invade a área e chuta forte, mas manda a bola pelo lado de fora da rede
27min - Ricardo Bueno desvia cruzamento da direita de cabeça e obriga Deola a fazer boa defesa no alto para evitar o gol
28min - Lincoln rouba a bola na entrada da área e rola para Kleber. Com espaço, o camisa 9 ajeita sozinho, mas manda para fora
33min - GOOOLLL DO PALMEIRAS!!! Tinga puxa contra-ataque pela direita e toca para Lincoln no meio. O meia manda para Luan, e o atacante chuta cruzado para ampliar

A vitória desta noite também serviu para encerrar um longo tabu do Palmeiras em campeonatos de mata-mata. Isso porque o time não se classificava para a semifinal de um torneio internacional desde a Libertadores de 2001.

Pior para o Atlético-MG, que mais uma vez foi a campo com um time reserva. Serginho, Nikão e Diego Tardelli ainda entraram no decorrer do confronto, sem evitar a queda da equipe na competição. Ao menos, o clube não terá mais que dividir atenções com a Sul-Americana e agora poderá manter o foco na luta contra o rebaixamento da Série A.

“Infelizmente não deu. Até criamos algumas oportunidades, mas não conseguimos concluir. Eles aproveitaram as chances e por isso mereceram. Agora, vamos priorizar totalmente o Brasileiro”, lamentou o atacante Ricardo Bueno.

No início da partida, o Palmeiras tentou surpreender o time mineiro com um forte ritmo de jogo. Mas para azar dos anfitriões, o esquema com três zagueiros do Atlético-MG fez efeito e esfriou parte dos avanços alviverdes. Para piorar a situação da equipe de Felipão, Valdivia voltou a sentir a coxa esquerda e acabou substituído por Lincoln logo aos 16min.

O confronto seguiu movimentado, mas com o Palmeiras mais ofensivo - o time arriscou dez finalizações em 20 minutos. Empolgado, o elenco vibrava a cada jogada vencida na defesa ou no ataque.

Até que aos 26min, os donos da casa fizeram valer a pressão e abriram o placar com gol olímpico de Marcos Assunção desviado por Alê. Depois disso, o Palmeiras seguiu com mais posse de bola, mas sem ampliar o marcador até o intervalo.

ESPECIALISTA COMENTA A PARTIDA

Blog do Juca Kfouri: O Verdão está nas semifinais da Copa Sul-Americana e só aguarda o rival, se Avaí ou Goiás, que jogam nesta quinta-feira, na Ressacada.
Blog do Vitor Birner: Torcida lota o Pacaembu, Palmeiras joga melhor, vence o Galo e está a 4 jogos da Libertadores

A etapa complementar começou de maneira bem diferente. Atrás no placar, o Atlético-MG saiu para o jogo começou a tomar conta da partida. Acuado, o Palmeiras tentou apostar nos contra-ataques.

E foi assim que o Palmeiras conseguiu selar a classificação. Aos 33min, Luan aproveitou jogada em velocidade e fez o segundo dos anfitriões. Fatura liquidada no Pacaembu.

Passada a disputa da Sul-Americana, as duas equipes se concentram agora na 35ª rodada do Brasileirão. Já neste sábado, o Atlético-MG volta à Arena do Jacaré para enfrentar o Flamengo. O Palmeiras, por sua vez, vai até o Serra Dourada encarar o Atlético-GO.

Ficha da Partida

Palmeiras Palmeiras Técnico: Luiz Felipe Scolari
22. Deola
8. Márcio Araújo
23. Danilo
15. Maurício Ramos
10. Gabriel Silva
3. Edinho
17. Tinga
19. Marcos Assunção
14. Jorge Valdivia
11. Lincoln
6. Dinei
21. Luan
5. Pierre
9. Kléber
2 0
Atlético-MG Atlético-MG Técnico: Dorival Júnior
24. Renan Ribeiro
3. Julio César Cáceres
4. Jairo Campos
14. Lima
2. Diego Macedo
13. Nikão
11. Alê
8. Serginho
18. Fabiano
9. Diego Tardelli
7. Édison Méndez
16. Fernandinho
17. Neto Berola
23. Ricardo Bueno

Data: 10/11/2010 - 22h00

Local: Pacaembu

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden

Auxiliares: Altemir Hausmann e Dibert Pedrosa

Público: 35.054 pagantes

Renda: R$ 762.160,00

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host