PUBLICIDADE
Topo

Futebol

São Paulo vence na Copinha, se classifica e brigará por liderança do grupo

Gabriel Novaes marcou os dois primeiros do São Paulo sobre o Serra-ES na Copinha - Thiago Calil/AGIF
Gabriel Novaes marcou os dois primeiros do São Paulo sobre o Serra-ES na Copinha Imagem: Thiago Calil/AGIF

Do UOL, em São Paulo

06/01/2019 23h31

O São Paulo derrotou o Serra-ES por 3 a 0 na noite deste domingo (6), em Araraquara, e garantiu sua classificação antecipada para a segunda fase da Copinha. No entanto, o placar não foi suficiente para colocar o Tricolor na liderança do grupo 7 já nesta segunda rodada.

A equipe chegou a seis pontos, mas não superou a Ferroviária no saldo de gols (oito contra nove, respectivamente). Mais cedo neste domingo, o time de Araraquara, anfitrião do grupo, goleou o Holanda-AM por 6 a 0 e ficou com dois gols a mais que o São Paulo no saldo.

Porém, os dois clubes ainda se enfrentarão na terceira e última rodada da primeira fase. O confronto acontece na quarta-feira (9), às 19h (de Brasília), também na Arena da Fonte, e uma vitória simples dará a liderança a uma das equipes. 

Os dois primeiros gols foram feitos por Gabriel Novaes. Aos 43 do primeiro tempo, o atacante recebeu bom lançamento rasteiro de Diego e tocou na saída do goleiro Felicio; aos 14 da etapa final, foi acionado por Antony e chutou cruzado para ampliar. Rodrigo Nestor fechou a conta com um bonito chute aos 37.

A partida contou com momentos de grande preocupação. Até então um dos destaques do Serra, o zagueiro Tallyssom sofreu um choque de cabeça com o são-paulino Tuta, ainda aos 14 minutos do primeiro tempo, e ficou no chão. Posteriormente, voltou a jogar com uma touca de natação.

No entanto, segundo a transmissão do "SporTV", a decisão de Tallyssom de voltar a campo contrariou orientações recebidas pela equipe médica do São Paulo, que aconselhou o atleta adversário a permanecer em observação.

Aos 23 do segundo tempo, ele voltou a cair no gramado, recebeu novo atendimento médico e foi levado diretamente para uma ambulância. Em seguida, foi encaminhado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região.

Além deste lance com Tallyssom, o são-paulino Tuta também teve outro choque de cabeça aos 24 do primeiro tempo. Desta vez, quem foi ao chão com ele foi o goleiro tricolor, Thiago Couto, que conteve o sangramento e atuou durante os 90 minutos.

Futebol