PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio dá confiança e protege Bressan antes de volta ao time titular

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

21/08/2017 04h00

A preparação do Grêmio para o segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil tem um elemento extra. Depois de perder Pedro Geromel, com problema muscular, o time gaúcho passou a proteger e dar confiança a Bressan. O zagueiro é o herdeiro da vaga no sistema defensivo, mas sofre com contestação da torcida por falhas antigas, apesar de ter ido bem contra o Atlético-PR e até recebido alguns aplausos. 

Renato foi um dos maiores defensores. O treinador lembrou 2013, quando passou pelo clube e Bressan era titular do time que terminou como vice-campeão do Brasileirão.

“O Bressan tem algumas pessoas que cometem injustiça grande aqui no Grêmio. Muita gente crucifica ele por algo que não foi culpa dele. Em 2013 ele foi vice-campeão aqui comigo e jogando muito. Todas as vezes que precisei dele no ano, entrou e deu conta do recado”, disse o treinador. “É jogador da minha confiança”, sentenciou depois.

E é mesmo. No começo do ano, Bressan voltou do Peñarol antes do final do empréstimo e ficou no grupo principal a pedido de Renato. Depois, quando negociou com o Vitória, ficou em Porto Alegre por confiança do treinador.

“Ele com certeza está preparado para essa oportunidade. É um cara que trabalha muito, se dedica muito. Vem merecendo muito e se for escolhido, vai ajudar”, afirmou Ramiro, volante que se transferiu para o Grêmio no mesmo negócio que envolveu Bressan.

Nos números, Bressan não tem tantos motivos para inspirar desconfiança. De acordo com o site "WhoScored.com", especialista em análise de estatísticas, o zagueiro tem 2,8 interceptações por partida no Brasileirão. O índice é idêntico ao de Pedro Geromel. A diferença entre os dois está no número de faltas (0,5 contra 1,2) e desarmes (1,8 contra 0,8). Há empate no quesito bloqueio.

“Desconfiança, se ela existe, não é por parte dos atletas e nem comissão. Isso é o mais importante, a confiança nele existe aqui dentro”, comentou Ramiro.

Renato abre possibilidade de colocar Bruno Rodrigo

Depois do empate em 0 a 0 com o Atlético-PR, o técnico Renato Gaúcho deu chances iguais para Bressan e Bruno Rodrigo começarem na quarta-feira. "Eu confio nos dois jogadores. Sempre que precisei foram muito bem os dois. Um vai jogar. Mas 45 minutos antes vocês vão saber. Estou tranquilo", disse. 

Cruzeiro e Grêmio se enfrentam na quarta-feira, às 21h45 (Brasília), em Belo Horizonte. Como venceu a primeira partida, em Porto Alegre, por 1 a 0, o Tricolor pode até empatar que avança e chega à final. Na decisão, o confronto será diante do ganhar do duelo entre Botafogo e Flamengo.

Futebol