PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio confirma lesão na coxa e Geromel fica fora por três semanas

Ricardo Rimoli/AGIF
Imagem: Ricardo Rimoli/AGIF

Do UOL, em Porto Alegre

17/08/2017 17h39

O Grêmio confirmou, nesta quinta-feira (17), que Pedro Geromel vai ser desfalque por, pelo menos, três semanas. Depois de realizar exame de imagem, o zagueiro teve diagnosticada uma distensão de grau dois no músculo adutor da coxa direita. O problema foi contraído no segundo tempo do jogo diante do Cruzeiro, pela semifinal da Copa do Brasil.

A parada já era esperada pelo Grêmio, mas faltava o parecer médico.

Se o prazo se confirmar, Geromel não fica fora apenas da segunda partida diante do Cruzeiro – pela semifinal da Copa do Brasil. Se torna dúvida para as quartas de final da Libertadores, contra o Botafogo.

“O prazo do Geromel é três semanas. Três semanas é mais ou menos o prazo para essas partidas da Copa Libertadores. Acho cedo para fazer qualquer prognóstico nesse sentido”, disse Márcio Bolzoni, médico do Grêmio.

A partida de ida diante do Botafogo está marcada para 13 de setembro. O prazo dos médicos é de 21 dias fora. Assim, o retorno previsto é para 7 de setembro. Nesta data acontece o primeiro jogo da final da Copa do Brasil. O Grêmio precisa de um empate, na próxima quarta-feira, para garantir vaga na decisão - contra Botafogo ou Flamengo.

O substituto de Geromel deverá ser Bressan. Rafael Thyere, o reserva imediato ao longo de todo ano, ainda se recupera de entorse no tornozelo.

"Thyere teve entorse no tornozelo de grau dois. Faz quase quatro semanas. A partir desse final de semana deve fazer trabalhos com bola. Ainda não está completamente recuperado. Está em fase final de recuperação", explicou Bolzoni.

O Grêmio enfrenta o Atlético-PR no domingo, em Porto Alegre, mas em virtude do mata-mata da Copa do Brasil usará time completamente reserva de novo.

 

Futebol