PUBLICIDADE
Topo

Futebol

No momento mais difícil do Flu no ano, Abel fala em elenco enxuto

Abel Braga analisou momento do Fluminense no ano  - Lucas Merçon/Fluminense F.C.
Abel Braga analisou momento do Fluminense no ano Imagem: Lucas Merçon/Fluminense F.C.

Do UOL, no Rio de Janeiro

18/05/2017 04h00

Uma das atrações do futebol brasileiro no início da temporada com futebol ofensivo e recheado de garotos, o Fluminense vive seu período mais delicado em 2017.

Nas últimas cinco partidas, o Tricolor perdeu uma e empatou outra com o Flamengo, terminando com o vice do Carioca; foi batido pelo Grêmio na Copa do Brasil; empatou com o Brasil-RS; e venceu o Santos, em jogo válido pela estréia no Campeonato Brasileiro.

Apesar do momento mais turbulento, o técnico Abel Braga minimizou a derrota em Porto Alegre e valorizou sua jovem equipe, mas também não deixou de apontar deficiências.

"São 30 jogos em quatro meses. Pagamos o preço da maratona. Não temos um elenco grande e nem aquela qualidade de que quando um sai e outro entra", disse Abel.

Sobre o tropeço contra os gaúchos, o comandante disse que o confronto está em aberto, já que uma vitória por 2 a 0 dá a vaga aos cariocas. "A diferença de um gol seria justa. Não está acabado, não. Fazia tempo que não via os meus jogadores assim no vestiário. Vamos fazer de tudo para virar", afirmou.

Agora o Tricolor volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. No domingo, o time visita o Atlético-MG, às 16h, no Independência.

Futebol