PUBLICIDADE
Topo

Esporte

É ruim, mas é bom: Série B dá mais tempo para Inter se preparar para 2018

Guto Ferreira terá mais tempo para preparar o time do Inter para o ano que vem - ROBERTO VINÍCIUS/ESTADÃO CONTEÚDO
Guto Ferreira terá mais tempo para preparar o time do Inter para o ano que vem Imagem: ROBERTO VINÍCIUS/ESTADÃO CONTEÚDO

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

25/10/2017 04h00

Enquanto acaba a temporada 2017 já com acesso encaminhado à Série A, o Internacional já começa a projetar 2018. E de cara tem uma boa notícia. Terá uma semana a mais que os adversários para preparar o time de olho nas competições do ano que vem.

O calendário da Série B é diferente do da Série A. Com isso, o Colorado termina sua participação na temporada em 25 de novembro. Uma semana antes do encerramento da primeira divisão.

Desta forma, poderá liberar seus jogadores para férias antecipadamente e receberá todos também antes.

Ao contrário dos concorrentes da primeira divisão, o Internacional - e os demais times que subirem - se reapresentarão logo em seguida à virada do ano. Desta forma, ganham tempo em suas pré-temporadas. Os times da Série A voltam apenas próximo a 7 de janeiro.

E tal situação pode ser fundamental principalmente no primeiro semestre. Por se tratar de um ano de Copa do Mundo, as competições que abrem a temporada devem ser antecipadas para que todo calendário pare durante a disputa do Mundial da Rússia.

Opções para treinamentos de preparação

O Internacional tem uma perspectiva clara de realizar sua pré-temporada em Viamão. O resort Vila Ventura, repetidamente utilizado pelo clube para períodos de trabalho, comporta as atividades de academia e campo, além de agradar o grupo de jogadores.

Recentemente, porém, o Internacional firmou uma parceria com a rede de hotéis Lagheto, que possui unidades em cidades da serra gaúcha que também já receberam trabalhos de preparação. Ainda não há uma definição sobre período e local dos trabalhos.

Certo é que não haverá viagem para fora do país. Ao contrário do que fez em 2015, com a Florida Cup, o Colorado rejeita ideia de se preparar distante do Brasil, até pelo deslocamento e tempo perdido que isso causaria.
 

Esporte