PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Sasha diz que ainda não está 100% e torce por retorno à Série A em casa

Eduardo Sasha comemora gol do Internacional contra o Criciúma neste sábado - Ricardo Duarte/Internacional/Divulgação
Eduardo Sasha comemora gol do Internacional contra o Criciúma neste sábado Imagem: Ricardo Duarte/Internacional/Divulgação

Do UOL, em Porto Alegre

21/10/2017 19h43

Autor do primeiro gol do Inter contra o Criciúma, o atacante Eduardo Sasha disse que ainda não está 100%. Segundo ele, é necessário mais ritmo para retomar o melhor futebol depois de uma temporada marcada por lesões no ano passado. Após o 3 a 2 no Heriberto Hulse, o jogador afirmou que torce para o retorno à Série A ocorrer nos próximos jogos.

"A gente sabe que o torcedor está do nosso lado. Nada mais justo que conseguir o acesso matematicamente em casa, com eles nos apoiando", disse ao avaliar os próximos dois compromissos do Colorado, diante de Ceará e CRB, em Porto Alegre.

Com 61 pontos, o Inter terminará a rodada no máximo 10 pontos na frente do primeiro fora da linha de acesso. Como faltam sete para o fim da Série B, poderá confirmar o regresso à elite nas próximas rodadas dependendo de resultados paralelos.

Sasha teve 2016 marcado por lesões, mas voltou e se firmou no time titular do Inter. Além do gol, foi importante na construção da vitória deste sábado.

"É difícil voltar no seu melhor ritmo. Ainda não estou. Leva tempo para voltar a 100%. Então, estou muito feliz pelo que venho apresentando, sei que posso dar mais, mas é tempo, jogos, tudo junto. É manter esta concentração e o grupo está me ajudando muito", finalizou.

O Inter se reapresenta na segunda-feira e encara o Ceará no próximo sábado. Claudio Winck deve voltar ao time e Rodrigo Dourado está suspenso. 

Esporte